Andebol

13-04-2017 10:56

Benfica elogia FC Porto pela demarcação dos cânticos dos Super Dragões

A claque portista tinha entoado o seguinte cântico: "Quem me dera que o avião da Chapecoense fosse do Benfica", numa referência ao acidente aéreo na Colômbia que vitimou grande parte da comitiva do clube brasileiro.
Fernando Madureira
Foto: José Sena Goulão

Claque dos Super Dragões

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

O Benfica manifestou “satisfação” pela “forma célere" como o FC Porto se demarcou do "muito grave e lamentável cântico" entoado pelos Super Dragões esta quarta-feira.

Esta reação surge no seguimento de, durante o jogo da fase final do campeonato de andebol disputado entre 'dragões' e 'encarnados', a claque portista ter entoado o cântico: "Quem me dera que o avião da Chapecoense fosse do Benfica", numa referência ao acidente aéreo na Colômbia que vitimou grande parte da comitiva do clube brasileiro.

"Que este triste episódio, que a todos nos envergonha e que estamos certos em que ninguém se pode rever, sirva para todos refletirmos sobre as nossas responsabilidades e contribuirmos para parar este clima de tensão", pode ler-se no comunicado publicado no site oficial do emblema da Luz.

"O desporto e o futebol congrega a paixão de todos os praticantes e adeptos pela alegria e sã competição e rivalidade entre clubes que promove. E são estes os valores que estamos certos todos comungam", finalizam as águias.

Recorde-se que, através da rede social Twitter, o FC Porto demarcou-se “de todos os cânticos ofensivos” e pediu aos adeptos do clube para se concentrarem no apoio às suas equipas.

Leia o comunicado do Benfica na íntegra:

O Sport Lisboa e Benfica registou e manifesta satisfação por ter verificado a forma célere como a instituição Futebol Clube do Porto se demarcou do muito grave e lamentável cântico que ontem se ouviu.

Que este triste episódio, que a todos nos envergonha e que estamos certos em que ninguém se pode rever, sirva para todos refletirmos sobre as nossas responsabilidades e contribuirmos para parar este clima de tensão.

O desporto e o futebol congrega a paixão de todos os praticantes e adeptos pela alegria e sã competição e rivalidade entre clubes que promove. E são estes os valores que estamos certos todos comungam.

Reveja o vídeo da polémica




Conteúdo publicado por Sportinforma