Andebol

17-09-2012 10:50

Cabo Verde passa a ter dois árbitros internacionais

Carlos Chirlito e Mário “Maíuca” Spencer já podem apitar provas em internacionais.
Cabo Verde passa a ter dois árbitros internacionais

Por SAPO Desporto c/Inforpress sapodesporto@sapo.pt

Cabo Verde passa a contar com dois árbitros internacionais. Carlos Chirlito e Mário “Maíuca” Spencer foram credenciados pela Confederação Africana de Andebol, segundo a presidente da Federação Cabo-verdiana de Andebol, Filomena Fortes.

Segundo essa dirigente, a atribuição da credencial internacional a estes dois árbitros é fruto de uma formação realizada na Cidade da Praia, ministrada pela Confederação Africana de Andebol (CAH).

A resposta do reconhecimento da elevação desses dois árbitros à categoria intercontinental, de acordo com Filomena Fortes, chegou «nestes dias» a Cabo Verde, pelo que está-se a preparar a cerimónia para a atribuição dos respetivos diplomas e insígnias a serem entregues brevemente à Federação.

Filomena Fortes considerou estas duas distinções «de extrema relevância» para o andebol cabo-verdiano, uma vez que doravante, Cabo Verde vai poder contar com os seus árbitros nas competições africanas.

Este facto, no entender da presidente da FCA, faz com que a arbitragem cabo-verdiana faça parte das equipas técnicas nas provas internacionais e que o país tenha uma voz.

«É um ganho para Cabo Verde, pela primeira vez termos árbitros continentais e isto faz com que eles possam fazer carreira neste momento», finalizou.