Desporto Adaptado

17-05-2017 16:06

Gracelino Barbosa conquista o segundo ouro nos mundiais de atletismo de deficiência intelectual

Na terça-feira, o atleta, que foi sozinho à Tailândia, conquistou a medalha de ouro na disciplina dos 100 metros, com um corredor russo e um iraniano a ocuparem os outros dois lugares no pódio.
Gracelino Barbosa
Foto: EPA/MARCELO SAYAO

Gracelino Barbosa conquistou nova medalha de ouro na prova de 110 metros barreiras

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O cabo-verdiano Gracelino Barbosa conquistou esta quarta-feira a segunda medalha de ouro nos Campeonatos do Mundo de atletismo da Federação Internacional para Atletas com Deficiência Intelectual (INAS), que decorrem em Banguecoque, na Tailândia, desta vez nos 110 metros barreiras.

Em declarações à Rádio de Cabo Verde, o atleta disse que a segunda medalha, nesta que é a sua primeira participação nos Mundiais, é um motivo de muita alegria, apesar de não ter conseguido bater o seu próprio recorde mundial.

Na terça-feira, o atleta, que foi sozinho à Tailândia, conquistou a medalha de ouro na disciplina dos 100 metros, com um corredor russo e um iraniano a ocuparem os outros dois lugares no pódio.

Gracelino Barbosa volta a competir na quinta-feira, agora nos 400 metros barreias dos Mundiais, que decorrem até sexta-feira.

Em agosto, o aleta, natural do Tarrafal de Santiago e residente em Portugal, conquistou a medalha de bronze nos Jogos Paralímpicos do Rio2004, a primeira na história do país, na categoria T-20 (deficiente intelectual).

Conteúdo publicado por Sportinforma