Afrobasket 2017

21-03-2017 16:17

Comissão de Gestão Ad hoc negoceia com Cholet Basket cedência de Ivan Almeida

A vice-presidente da comissão de gestão, Vanessa Silva, adiantou à Inforpress que as negociações estão num bom caminho.
Comissão de Gestão Ad hoc negoceia com Cholet Basket cedência de Ivan Almeida
Foto: @Inforpress

Comissão de Gestão Ad hoc negoceia com Cholet Basket cedência de Ivan Almeida

Por SAPO Desporto c/Inforpress sapodesporto@sapo.pt

A comissão de gestão ad hoc da Federação Cabo-verdiana de Basquetebol (FCBB) está em negociações com a direcção da equipa francesa de Cholet Basket no sentido de libertar o internacional cabo-verdiano Ivan Almeida para o torneio de qualificação em Dakar, Senegal.

A vice-presidente da comissão de gestão, Vanessa Silva, adiantou à Inforpress que as negociações estão num bom caminho, dando lugar a que Ivan Almeida possa ir reforçar a selecção de Cabo Verde que participa em Dakar, Senegal, nesta segunda e última fase do torneio de qualificação da Zona II para o Afrobasket’2017.

Vanessa Silva diz estar confiante de que nas próximas horas a comissão poderá ter boas notícias sobre o desfecho das negociações, permitindo ao Ivan Almeida ir juntar-se à equipa no Senegal, e deste modo ajudar o arquipélago a alcançar a qualificação.

Analistas consideram uma baixa de vulto para Cabo Verde a ausência de Ivan Almeida que não pôde dar o seu contributo no Mali, porquanto, a equipa da primeira divisão francesa que representa actualmente, não prescinde dos seus serviços no principal campeonato gaulês.

Ivan é referenciado como um jogador de nível e que conserva o estatuto do MVP nas últimas duas edições do Afrobasket, 2013 e 2015.

No concernente ao Jex Xavier, internacional cabo-verdiano actualmente ao serviço de Dragon Force/FC Porto-Portugal), já é dado como carta fora do baralho, uma vez que a equipa portuguesa recusa dispensar o base para o torneio de Dakar.

Em relação ao “gigante” Edy Walter Tavares, sabe-se que a sua actual equipa (Raptor 905, D League NBA, EUA) só se compromete em dispensar o atleta para os serviços da selecção cabo-verdiana para o Afrobasket’2017, caso Cabo Verde consiga a qualificação.

Cabo Verde vai iniciar esta sexta-feira a segunda e última fase do torneio de qualificação da Zona II em Dakar, Senegal, diante do Mali, para no sábado defrontar os anfitriões do Senegal, de modo a terminar o seu concurso domingo diante da Guiné Conacri.

De acordo com o regulamento da FIBA, as duas equipas melhores classificadas deste grupo apuram-se para o Afrobasket’2017 a realizar-se no Congo Brazaville.

Conteúdo publicado por Sportinforma