Afrobasket

23-03-2017 14:00

Ivan Almeida sem autorização para se juntar à selecção no Dakar

Jogador não vai defrontar o Senegal na fase decisiva da prova.
Basquetebol
Foto: PAULO CUNHA

Jogo de Basquetebol entre a Ovarense e o F.C. Porto na final da Taça de Portugal de Basquetebol, realizado no pavilhão Municipal do Entroncamento, 7 março 2010.

Por SAPO Desporto c/Inforpress sapodesporto@sapo.pt

O internacional cabo-verdiano Ivan Almeida não foi autorizado pelo seu clube a deslocar-se a Dakar para se juntar à seleção de Cabo Verde. O atleta vai falhar a segunda fase das eliminatórias para o Afrobasket’2017 que arrancam sexta-feira.

Segundo a Inforpress, apesar da insistência da Comissão “Ad Hoc” da Federação Cabo-verdiana de Basquetebol, o atleta já não vai a Dakar.

O atleta mostrou-se triste com o facto de não poder dar o seu contributo à selecção cabo-verdiana, mas diz estar a seguir, "com muita ansiedade", o dia-a-dia dos jogadores cabo-verdianos em Dakar.

Com esta impossibilidade de Ivan juntar-se à equipa, o seleccionador Emanuel “Mané” Trovoada vê as opções para a segunda fase mais reduzidas, já que acaba de perder o ‘concurso’ de Joel Almeida, irmão do Ivan, obrigado a regressar à Liga Espanhola, num momento em que precisava dos seus serviços.

Cabo Verde inicia sexta-feira a sua participação na segunda fase frente ao Mali, para no sábado medir forças com o Senegal. A equipa termina a sua participação domingo diante da Guiné-Conacri.

Conteúdo publicado por Sportinforma