Basquetebol/Taça de Portugal

22-03-2017 09:33

Benfica entra na fase final como favorito

Equipa de Carlos Lisboa tem um plantel reforçado.
Carlos Lisboa
Foto: ANTONIO COTRIM / LUSA

Carlos Lisboa, treinador do Benfica

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O Benfica enfrenta a ‘final 8' da Taça de Portugal de basquetebol, que se realiza em Gondomar, com o favoritismo reforçado face à ausência do rival FC Porto, surpreendentemente eliminado pelo Illiabum nos ‘oitavos’.

A fase final da 68.ª edição da competição arranca na quinta-feira, com os dois primeiros duelos dos quartos de final, os quais opõem o Galitos do Barreiro ao Terceira Basket e o CAB Madeira ao Lusitânia dos Açores.

Na sexta-feira cumprem-se os outros dois embates dos ‘quartos’, com o favorito Benfica a defrontar o sensacional Illiabum, que já bateu os ‘encarnados’ na presente época, enquanto Oliveirense e Vitória de Guimarães protagonizam um jogo que se espera de grande equilíbrio e emoção.

“O nosso objetivo é ganhar ao Illiabum e, depois, tentar conquistar mais uma Taça de Portugal, um dos pontos altos da temporada”, admitiu Carlos Lisboa, o treinador da turma da Luz, recordista de troféus na prova, com 21, e vencedor das últimas três edições.

Em termos teóricos, a Oliveirense será o principal adversário dos ‘encarnados’.

“É indiscutível que o Benfica é o principal favorito a vencer esta competição. Vamos para a Taça de Portugal com as mesmas ambições dos restantes sete concorrentes. Mas, primeiro teremos de vencer o Vitória de Guimarães”, constatou José Ricardo Rodrigues, técnico da Oliveirense, equipa que já ergueu a Taça uma vez, na época 2002/2003.

Gondomar, capital europeia do desporto, vai ser também a capital do basquetebol nacional entre quinta-feira e domingo, data em que se realiza a final, a partir das 16:00 horas.

“Esta é a competição mais democrática da modalidade. Envolve todas as equipas em sucessivas eliminatórias, do terceiro escalão ao primeiro. Espero jogos animados, equilibrados e bem disputados", sublinhou o presidente da Federação Portuguesa de Basquetebol, Manuel Fernandes.

O dirigente federativo não está preocupado, em termos de impacto mediático e de presença do público, com a ausência do FC Porto, prematuramente afastado da prova pelo Illiabum, vencedor por um ponto em pleno Dragão Caixa.

“Espero que as bancadas do magnífico Pavilhão Multiusos de Gondomar se encham de adeptos. Clubes como o Vitória de Guimarães e a Oliveirense ficam relativamente perto de Gondomar e possuem boas massas associativas. E o Benfica mobiliza sempre muita gente, mesmo no norte do país”, lembrou Manuel Fernandes.

Entretanto, o líder federativo revelou à agência Lusa que a cidade de Gondomar vai ainda receber, em meados do mês de maio, a final nacional do torneio de ‘3x3’, que envolveu as escolas de todo o país, “numa parceria entre o desporto escolar e a federação de basquetebol”.

Conteúdo publicado por Sportinforma