NBA

06-02-2014 09:53

Regra desconhecida ajuda Lakers a voltarem às vitórias

Kelly foi o melhor marcador, com 26 pontos, seguido por Farmar, com 21, e Johnson, com 20. Blake destacou-se com o segundo triplo-duplo da carreira (11 pontos, 10 ressaltos e 15 assistências).
Regra desconhecida ajuda Lakers a voltarem às vitórias

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Os Lakers estão de volta as vitórias na NBA, depois de uma série negra de sete derrotas seguidas que ameaçam deixar a equipa fora dos play-offs.

Mas para vencer, a formação de Los Angeles precisou de recorrer a uma regra quase desconhecida para levar de vencida a formação dos Cleveland Cavaliers por 119-108.

Uma praga de lesões tem fustigado a formação dos LA Lakers e para o jogo com os Cavaliers, o treinador D´Antoni não pode contar com Nick Young e Jordan Farmar, lesionados na véspera do encontro. Os Lakers tinham apenas oito jogadores de campo disponíveis e sem estes dois, tiveram de fazer uma gestão rigorosa do esforço físico.

O problema foram as faltas cometidas. Chris Kaman e Robert Sacre cometeram a sexta falta, deixando a equipa com apenas quatro jogadores de campo, algo que não pode suceder. O regulamento da prova permite que o último jogador a chegar a sexta-falta fique em campo, com uma falta técnica a ser averbada à equipa. Foi Sacre a continuar em campo, depois de ter cometido a sexta falta com 3m32 para jogar.

Nem mesmo o treinador dos Lakers conhecia a regra. Teve de ser um dos árbitros a informar o técnico da formação de Los Angeles que Sacre podia continuar, numa altura em que a sua equipa ganhava por 111-101. Essa mesma regra já tinha sido aplicada a favor dos Golden State Warrior em 2010 frente aos Portland.

Wesley Johnson, Ryan Kelly, Steve Blake, Kendall Marshall e Sacre foram os heróis de Los Angeles, que puseram fim a série de sete derrotas seguidas. A equipa ainda sonha com os play-off. Destaque para a eficácia dos Lakers nos lançamentos longos (48,6 por cento), que converteram 18 em 37 tentativas.

Kelly foi o melhor marcador, com 26 pontos, seguido por Farmar, com 21, e Johnson, com 20. Blake destacou-se com o segundo triplo-duplo da carreira (11 pontos, 10 ressaltos e 15 assistências).

Resultados

New York-Portland, 90-94

LA Clippers-Miami, 112-116

Sacramento-Toronto, 109-101

Denver-Milwaukee, 110-100

Houston-Phoenix, 122-108

Memphis-Dallas, 96-110

New Orleans-Atlanta, 105-100

Oklahoma-Minnesota, 106-97

Cleveland-LA Lakers, 108-119

Philadelphia-Boston, 108-114

Washington-San Antonio, 118-125 (2 a.p.)

Orlando-Detroit, 112-98

Conteúdo publicado por Sportinforma