Ciclismo

06-08-2016 16:12

Rui Sousa vai continuar a correr em 2017

O ciclista de 40 anos garante ainda ter motivação e força para seguir mais uma época.
rui_sousa_ciclismo_volta_portugal_2013.jpg
Foto: Lusa; Jose Sena Goulao

Rui Sousa ocupa o décimo lugar na Volta

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O português Rui Sousa, três vezes terceiro classificado na Volta a Portugal em bicicleta, anunciou hoje a continuidade na Rádio Popular-Boavista na época de 2017.

Aos 40 anos, o também presidente da Junta da União de Freguesias de Barroselas e Carvoeiro, em Viana do Castelo, justificou a decisão tomada na sexta-feira com o apoio popular recebido durante a presente edição da corrida. “Ainda me sinto motivado e com força para continuar, sinto o apoio da Rádio Popular-Boavista e dos diretores, mas também o apoio de todo o público que tenho tido ao longo desta Volta a Portugal. Digo-vos que se não tivesse essa motivação não continuava na estrada”, afirmou Rui Sousa, na partida para a nona e penúltima etapa, entre Alcácer do Sal e Setúbal.

O corredor natural de Barroselas, que conta cinco presenças no pódio da Volta e terminou 13 vezes entre os 10 primeiros, disse pretender, com esta confirmação, pôr termo à especulação sobre o eventual fim da sua carreira. “Há muitos dias que há especulação sobre a minha continuidade ou não no pelotão e a informação que tenho para vos dar é que eu vou continuar na estrada em 2017, nesta equipa que me acolheu há alguns anos e tem estado sempre comigo”, frisou.

Ao lado de Rui Sousa, o diretor desportivo da Rádio Popular-Boavista manifestou também a sua satisfação com a continuidade do veterano na sua equipa. “Fico satisfeito porque é uma mais-valia para a equipa e porque acho que tem capacidade física e psíquica para estar a lutar novamente pela Volta a Portugal em 2017”, sublinhou José Santos.

À partida para nona etapa, Rui Sousa, que se atrasou na geral devido a uma queda na segunda etapa, ocupava o 10.º lugar, a 5.35 minutos do camisola amarela, Rui Vinhas (W52-FC Porto).

Conteúdo publicado por Sportinforma