Ciclismo

16-08-2016 13:10

Ciclista francês conquista a Volta Santiago 2016

O ciclista francês Paulizarc Ronan teve três etapas e cujos percursos incluíram Cidade Velha/Tarrafal/Calheta de São Miguel/Santa Catarina/ Santa Cruz e Praia.
Ciclista francês conquista a Volta Santiago 2016
Foto: Inforpress

Ciclista francês conquista a Volta Santiago 2016

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

O ciclista francês Paulizarc Ronan venceu hoje a edição 2016 do “Volta Santiago em Bicicleta”, que teve três etapas e cujos percursos incluíram Cidade Velha/Tarrafal/Calheta de São Miguel/Santa Catarina/ Santa Cruz e Praia.

A prova culminou com uma circular de quatro voltas num total de 112 Km à Praia, onde o francês venceu igualmente a 1ª etapa e ficou na segunda posição na 2ª etapa.

A prova disputada num total de 300 quilómetros foi dominada desde o início pelos franceses e angolanos, o cabo-verdiano da ilha Brava João Lopes “Djony” é o vencedor da equipa nacional.

A disputa no individual e por equipa, onde os cabo-verdianos estão no top 10, contou com a participação de 50 ciclistas nacionais e internacionais nomeadamente Angola, Portugal, São Tomé e Príncipe, França e Guadalupe.

A organização técnica da prova, promovida pela Associação dos Ciclistas de São Miguel, sob o lema “Desporto é Reabilitar”, no âmbito das comemorações alusivas ao 41º Aniversário da Independência de Cabo Verde.

O vice-presidente da associação, Arlindo Fernandes, faz uma avaliação positiva, tendo em conta que conseguiram atingir os objectivos que era a realização da prova, salientando que não foi difícil a participação dos ciclistas internacionais na mesma.

Em relação aos prémios, avançou que serão entregues prémios monetários num total de 850 mil escudos, traças e medalhas, sendo que por equipa vai até à 5ª posição e individual até 10ª e prémio para o melhor cabo-verdiano.

Para o atleta angolano Igor Silva, o seu país obteve um resultado “satisfatório” visto que estão na segunda posição por equipa e quarto e quinto no geral, isto é, estão no top 10.

Ainda considerou que a corrida “foi um espectáculo” e que a organização está de parabéns, encorajando-os a dar continuidade à prova nos próximos anos.

Recorde-se que, a primeira etapa na distância de 97 Km teve início na Cidade Velha, com meta em Tarrafal, a segunda, com cerca de 80 Km, fez a largada em Calheta de São Miguel, percorrendo depois as localidades de Santa Catarina, Santa Cruz, Estádio Nacional, Universidade Jean Piaget, Rotunda Terra Branca e chegada no bairro de Achada Santo António.

Já a terceira e última etapa, culminou com uma circular de quatro voltas à Cidade da Praia num total de 112 Km.

O acto de entrega dos prémios é presidido pelo ministro do Desporto, Fernando Elísio Freire.

Conteúdo publicado por Sportinforma