Ciclismo

05-09-2016 16:22

Espectador que colocou barreira em prova de ciclismo vai a tribunal

O espectador em causa era o pai de um dos participantes da prova, que protestou contra a organização por não ter interrompido a prova no dia anterior, no qual o seu filho tinha caído.
ciclismo geral

Vários ciclistas ficaram feridos neste incidente

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O pai de um ciclista que compete numa prova na ilha francesa de Reunião vai ser apresentado a tribunal por ter deliberadamente colocado uma barreira na estrada, ferindo vários participantes.

Um jovem espetador e vários ciclistas ficaram feridos depois de o pai de um dos competidores ter atravessado uma barreira na estrada, a metros da meta, criando o pânico e diversos despistes na prova que decorre na ilha do oceano pacífico.

Quando o pelotão estava a chegar a Le Port, pelo menos seis dos ciclistas – dois do ‘sprint’ final - não conseguiram evitar a barreira entretanto colocada de forma abrupta pelo prevaricador.

Vários ciclistas ficaram feridos, tal como uma criança que assistia ao fim da prova.

O gesto antidesportivo terá sido uma forma de protesto do progenitor pelo facto de, no dia anterior, a organização se ter recusado a parar a prova quando o seu filho caiu.

Conteúdo publicado por Sportinforma