Ciclismo

03-04-2017 13:24

Santiago Sul vai desenvolver a modalidade em todos os escalões, categorias e géneros

Associação Regional de Santiago Sul quer maximizar a modalidade em todos os escalões, categorias e géneros.
Associação Regional de Santiago Sul quer maximizar a modalidade em todos os escalões, categorias e géneros
Foto: Inforpress

Associação Regional de Santiago Sul quer maximizar a modalidade em todos os escalões, categorias e géneros.

Por SAPO Desporto c/Inforpress sapodesporto@sapo.pt

O presidente da Associação Regional do Ciclismo de Santiago Sul, Marcos Mendes disse hoje, que esta organização quer nos próximos tempos maximizar a modalidade em todos os escalões, categorias e géneros.

Em declarações à Inforpress, à margem de uma prova de ciclismo que decorre nas imediações do Estádio Nacional e que conta com dezenas de ciclistas, este dirigente explicou que a associação pretende também promover o ciclismo da Praia, tendo em conta que notaram que há uma carência de novos ciclistas.

Para que possam atingir tais objectivos, realizaram hoje uma prova de ciclismo em parceira com Câmara Municipal da Praia e a direcção do Estádio Nacional em várias categorias, escalões em masculino e feminino.

Informou ainda que a corrida que consiste em 10 e 20 voltas na circular do Estádio Nacional e em prova de contra – relógio, é destinada não só a atletas da Praia, mas também a todos os ciclistas residentes na ilha de Santiago.

De acordo com Marcos Mendes todos os ciclistas participantes vão receber prémios de participações e os quatro primeiros classificados nas categorias infanto-juvenil e feminino receberão cabazes de compra (leite, açúcar, farinha, feijões e grão-de-bico).

Já os primeiros classificados nas categorias veteranos (a partir dos 40 anos) e BTT masculino vão receber prémios monetários de 6000, 4000, 3000 e 2000 respectivamente, sendo que os da prova de corrida de estrada também em masculino vão receber também prémios em 8000, 6000, 4000 e 2000.

Conteúdo publicado por Sportinforma