Ciclismo

30-06-2017 13:20

Fortes medidas de segurança na primeira etapa da Volta a França

As medidas rigorosas de segurança incluem barreiras ao longo de todo o percurso.
Tour de France
Foto: AFP or licensors

Tour de França de 2016

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

A Volta à França em bicicleta arranca no sábado com um contrarrelógio de 14 quilómetros em Düsseldorf, na Alemanha, disputado sob medidas rigorosas de segurança, que incluem barreiras ao longo de todo o percurso.

Face a um contexto de ameaça terrorista permanente, os pormenores da operação policial não foram divulgados, mas o público foi já avisado de que algumas ruas estarão fechadas ao trânsito com barreiras e o perímetro da prova completamente vedado.

“Nos pontos nevrálgicos também patrulharemos com armas automáticas”, disse o chefe da Polícia de Düsseldorf, Norbert Wesseler, sem adiantar pormenores sob o esquema montado para garantir a segurança do público que pretende assistir à prova.

O alemão Tony Martin, por quatro vezes campeão mundial de contrarrelógio, admitiu que os ciclistas irão rolar “com um pouco mais de ansiedade”, embora as autoridades garantam que foram tomadas todas as medidas para garantir que tudo corra em ambiente de festa e sem preocupações.

Conteúdo publicado por Sportinforma