Girabola

13-04-2017 16:08

Quatro equipas tentam 'assalto' à liderança

Quatro equipas tentam este fim de semana chegar ao primeiro lugar do Girabolal, com vantagem para o líder Kabuscorp do Palanca, que recebe em Luanda o ‘aflito’ Progresso da Lunda Sul.
Jogo do Kabuscorp
Foto: DR

Quatro equipas tentam este fim de semana chegar ao primeiro lugar do Girabola

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

Quatro equipas tentam este fim de semana chegar ao primeiro lugar do principal campeonato angolano de futebol, com vantagem para o líder Kabuscorp do Palanca, que recebe em Luanda o ‘aflito’ do Progresso da Lunda Sul.

Apesar da missão mais facilitada, face aos restantes concorrentes pela liderança, a equipa do bairro do Palanca joga no sábado, no estádio dos Coqueiros, pressionada por saber que qualquer deslize frente à equipa de Saurimo pode representar a perda da liderança do ‘Girabola’.

É que na abertura desta jornada 10, na sexta-feira, o Petro de Luanda viaja até Benguela para defrontar, no estádio do Buraco, a Académica do Lobito, sabendo os ‘petrolíferos’ que uma vitória representa a liderança, pelo menos provisória.

Depois, no domingo de Páscoa, no estádio 11 de Novembro, é a vez do 1.º de Agosto receber outro dos históricos de Luanda, o Progresso do Sambizanga, já sabendo dos resultados dos mais diretos perseguidores à liderança, caso também do Sagrada Esperança, que joga no sábado.

A equipa da Lunda Norte, que ao fim de nove jogos está a apenas dois pontos do líder do ‘Girabola’, joga no sábado, no Luena, no terreno do complicado Bravos do Maquis, na província do Moxico, igualmente no leste do país, e também discute assim o primeiro lugar.

Nesta jornada, volta a marcar passo o Recreativo do Libolo, campeão de 2014 e 2015, que devido à participação nas competições africanas de futebol adiou a partida desta jornada, em que jogaria no Huambo, com o Recreativo da Caála.

A equipa treinada pelo português Carlos Vaz Pinto, candidata ao título, vai assim somar quatro jogos em atraso no ‘Girabola’, em 10 jornadas disputadas. É que no sábado, o Recreativo do Libolo recebe na vila de Calulo, no Cuanza Sul, a formação do CNaPS Sport Football, de Madagáscar, depois de na primeira mão ter empatado a um golo em Antanarivo, partindo assim em vantagem para o segundo jogo da eliminatória da Taça da Confederação Africana de Futebol (CAF).

Nos restantes jogos do ‘Girabola’ angolano, destaque ainda para o ‘aflito’ Santa Rita de Cássia, do treinador português Sérgio Traguil, que a precisar urgentemente de vitórias (apenas uma em nove jogos), viaja do Uíge, no norte, para o Lubango, no sul, onde defronta no sábado os locais do Desportivo da Huíla.

Também no sábado é a vez do Interclube, de outro treinador português, Paulo Torres, viajar de Luanda para o Huambo, onde defronta os locais do JGM, enquanto no domingo jogam entre si, na capital angolana, dois ‘aflitos’, casos do ASA e do 1.º de Maio de Benguela.

Programa da 10.ª jornada:

- sexta-feira, 14 abr:

Académica do Lobito - Petro de Luanda.

- sábado, 15 abr:

JGM Huambo - Interclube.

Bravos do Maquis - Sagrada Esperança.

Desportivo da Huíla - Santa Rita de Cássia.

Kabuscorp do Palanca - Progresso da Lunda Sul.

- domingo, 16 abr:

ASA - 1.º de Maio.

1.º de Agosto - Progresso do Sambizanga.

- Adiado:

Recreativo da Caála - Recreativo do Libolo.

Classificação:

1. Kabuscorp, 21 pontos.

2. 1.º de Agosto, 20.

3. Petro de Luanda, 19.

4. Sagrada Esperança, 19.

5. Progresso do Sambizanga, 15.

6. Recreativo da Caála, 14.

7. Recreativo do Libolo, 13 (menos três jogos).

8. Interclube, 12 (menos um jogo).

9. Desportivo da Huíla, 10.

10. Bravos do Maquis, 9.

11. 1.º de Maio, 8.

12. Académica do Lobito, 7.

13. Progresso da Lunda Sul, 7.

14. Santa Rita FC, 6.

15. JGM Huambo, 5 (menos um jogo).

16. ASA, 5 (menos um jogo).

Conteúdo publicado por Sportinforma