Girabola

07-06-2017 10:41

Recreativo da Caála rescinde contrato com Carlos Cardeau

Técnico deixa a equipa na 7ª posição, com 23 pontos, fruto de sete vitórias e dois empates em 15 jogos.
Carlos Alberto Cardeau, treinador do Recreativo de Caála
Foto: VALENTINO YEQUENHA / ANGOP

Carlos Alberto Cardeau vai abandonar o clube

Por SAPO Desporto c/ Angop sapodesporto@sapo.pt

O Recreativo da Caála e o treinador Carlos Alberto Cardeau acertaram a rescisão de contrato por mútuo acordo.

A direção do clube informa, numa nota a que Angop teve acesso, que o motivo desta decisão foram as incompatibilidades registadas desde que o treinador foi contratado, em 2016.

Aos 52 anos de idade, Carlos Alberto Cardeau, que sucedeu no cargo a Hélder Teixeira, deixa a equipa na 7ª posição, com 23 pontos, fruto de sete vitórias e dois empates em 15 jogos.

Com mais esta demissão, eleva-se para nove na presente época futebolista, o número de treinadores que abandonaram os cargos, nomeadamente João Pintar (Bravos do Maquis), Paulo Figueiredo (Progresso da Lunda Sul), António Alegre (Académica do Lobito), Hélder Teixeira (1º de Maio), Sérgio Traguil (Santa Rita de Cássia) e João Machado (ASA).

A estes juntam-se Agostinho Tramagal (JGM) e Filipe Moreira (Interclube), que deixaram as respectivas equipas antes da ronda inaugural da competição, que tem como líder o Petro de Luanda, com 33 pontos, e o Santa Rita de Cássia, com sete, na última posição.

Conteúdo publicado por Sportinforma