Futebol feminino

13-05-2016 08:55

Técnicos do Benfica e Valadares apontam ao título

À partida para a última jornada do campeonato, Futebol Benfica e Valadares estão em igualdade pontual
bola futebol geral
Foto: Hugo Delgado/Lusa

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O treinador do Futebol Benfica assumiu que a sua equipa depende de si própria para revalidar o título nacional de futebol feminino, enquanto o técnico do Valadares lembrou que ainda é "matematicamente possível" chegar ao primeiro lugar.

À partida para a última jornada do campeonato, Futebol Benfica e Valadares estão em igualdade pontual na fase de apuramento do campeão, mas com o ‘fófó' tem vantagem no confronto direto.

Em declarações à agência Lusa, e apesar de considerar que a vantagem no confronto direto é "importante", o treinador da equipa lisboeta, Pedro Bouças, explicou que esse dado não garante nada.

"Estamos em vantagem, só dependemos de nós próprios, é uma vantagem importante, ainda assim nada é certo. São jogos muito equilibrados na fase final e apesar de importante ainda não nos garante nada", afirmou.

Na última jornada, que se disputa no domingo, o Futebol Benfica recebe o A-dos-Francos, e Bouças destacou a experiência das suas jogadoras para lidar com a pressão.

"A expetativa é a mais elevada, desde o início que definimos como objetivo ser campeões nacionais, faltam-nos três pontos. É por isso que vamos lutar, mas sabendo que está tudo em aberto e será tremendamente difícil. Não estou apreensivo, num jogo de futebol tudo pode acontecer, mas a equipa está muito confiante, é uma equipa muito experiente, não costuma ceder a pressão. Vamos partir com confiança para o jogo", garantiu.

Ainda assim o treinador das atuais campeãs nacionais deixou um alerta, explicando que não se deve "ignorar" as qualidades do Valadares.

"O Valadares é uma grandíssima equipa, bem orientada, dá-nos muitas dificuldades, queremos muito isto mas não podemos ignorar que do outro lado está uma grande equipa", vincou.

Apesar de faltar um jogo por disputar, do outro lado, o perseguidor Valadares, que tem os mesmos 33 pontos que o Futebol Benfica, não desiste de lutar pela conquista do título.

No derradeiro encontro a formação de Gaia visita o terreno do Clube Albergaria e o treinador Fernando Matos salienta a qualidade do adversário.

"O que podemos fazer é lutar pelo título, é entrar no jogo com o Albergaria cientes que vamos encontrar um grande adversário, organizado, muito trabalhador, lutador, que nos vai dificultar ao máximo a nossa tarefa. Mesmo estando arredada do título, temos noção que a equipa do Albergaria não vai facilitar em nada", afirmou à Lusa.

Com um empate em Benfica, mas uma derrota em casa por 2-1, o Valadares está em desvantagem com o Futebol Benfica no confronto direto, mas Fernando Matos explicou que a equipa tem de acreditar que pode ser campeã.

"Nós ganhando, o Futebol Benfica também terá de ganhar, mas dependemos sempre de outro resultado. Queremos lutar pelo nosso jogo e no fim ver o que acontece. Enquanto houver jogo temos esperança que possamos ser campeões, mas temos noção que será difícil pelo adversário e porque não dependemos só de nós. Temos a noção das dificuldades, mas, como matematicamente é possível, temos de acreditar até ao último minuto que podemos ser campeões", sublinhou.

O Valadares, além de vencer, precisa que o Futebol Benfica perca com o A-dos-Francos, equipa que "pode fazer alguma mossa em Lisboa", mas vincou que só no fim do jogo fará contas.

"Vamos defrontar uma das três melhores equipas no campeonato. Espero que a outra não vença o A-dos-Francos, que embora não seja uma equipa com um número elevado de jogadoras com qualidade, é uma equipa que procura jogar futebol e pode fazer alguma mossa em Lisboa. Vamos desligar-nos do resultado de Lisboa porque seja ele qual for vai-nos afetar nos 90 minutos. No fim faremos contas", rematou.

Conteúdo publicado por Sportinforma