Brasil

22-10-2015 19:03

Jardel volta de Portugal com 10kg de bacalhau…e fica sem nada

O antigo jogador levava ainda consigo 1,5kg de nozes e 1,2kg de queijo.
jardel

Jardel é deputado no estado do Rio Grande do Sul.

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

A boa fama do bacalhau português no Brasil é bem conhecida, mas o antigo futebolista Mário Jardel provou como ninguém a sua paixão pelo prato. De regresso ao Brasil após uma viagem de 10 dias por Portugal e Itália, o antigo jogador de FC Porto e Sporting, e agora deputado estadual no Rio Grande do Sul, foi barrado no aeroporto por trazer consigo 10kg de bacalhau na mala.

Jardel tinha ainda consigo 1,5kg de nozes e 1,2kg de queijo, sendo que para transportar produtos do género é obrigatório apresentar uma certificação sanitária emitida pelo país de origem. Todos os produtos foram destruídos no aeroporto de Porto Alegre em frente ao antigo futebolista, conforme é habitual em casos como este. Ainda assim, Jardel não recebeu qualquer multa.

A viagem diplomática de Jardel ao continente europeu causou polémica no Brasil devido aos elevados gastos. Segundo a imprensa do Rio Grande do Sul, o deputado gastou mais de 40 mil reais (cerca de 9 mil euros) entre viagens de avião e alojamento para o próprio Jardel e para um assessor.

Conteúdo publicado por Sportinforma