Subida à II Liga

08-05-2017 12:52

Praiense denuncia "arbitragem incorreta"

O Praiense contesta a a “arbitragem incorreta” na derrota com o Fátima (0-1), na luta pela subida à II Liga.
Praiense
Foto: Praiense

Equipa do Praiense

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O Praiense vai denunciar junto da Procuradoria-Geral da República e da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) a “arbitragem incorreta” na derrota com o Fátima (0-1), na luta pela subida à II Liga, comunicou hoje o clube açoriano.

O comunicado do clube da Praia da Vitória refere que, “a bem da verdade desportiva”, “face à existência de arbitragem incorreta no jogo da 13.ª jornada da 2.ª fase (subida), da Zona Sul, com o Fátima (0-1), vai denunciar os factos decorrentes à Procuradoria-Geral da República e conselhos de Arbitragem e de Disciplina da FPF.

A derrota em casa com o Fátima, num jogo marcado pela anulação de um golo ao emblema açoriano pelo árbitro assistente da equipa liderada por Hélder Lamas (AF Braga), por alegada posição irregular, acabou por adiar para a última jornada as decisões e impediu aos açorianos de festejar a inédita subida à II Liga.

A primeira derrota em casa do Praiense foi ditada por um autogolo do defesa-central Cristiano, aos 32 minutos, que, além de evitar a festa da subida, colocou ainda o Fátima em situação de, na última jornada, também poder discutir a subida à II Liga.

O Praiense lidera a Zona Sul com 24 pontos, seguido do Real e do Fátima, ambos com 22. Na derradeira jornada, no domingo, o Praiense desloca-se a casa do Farense, o Real recebe o Sacavenense e o Fátima o Louletano.

Conteúdo publicado por Sportinforma