Futebol

29-05-2015 15:31

Israelitas e palestinianos apertam a mão no congresso da FIFA

Jibril Rajoub ganhou protagonismo ao retirar a proposta palestiniana que pedia a suspensão de Israel.
Jibril Rajoub, líder da Federação palestiniana
Foto: MICHAEL BUHOLZER / AFP

Jibril Rajoub, líder da Federação palestiniana, no congresso da FIFA

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

Os presidentes das federações de futebol da Palestina, Jibril Rajoub, e de Israel, Ofer Eini, cumprimentaram-se hoje, com um aperto de mãos, durante o 65.º Congresso da FIFA, que decorre na cidade suíça de Zurique.

O cumprimento foi largamente aplaudido pelos delegados presentes na reunião magna e seguiu-se à retirada, por parte da federação palestiniana, da proposta de suspensão da congénere israelita do organismo que rege o futebol mundial.

“Trabalharemos juntos”, disse Eini, na tribuna do congresso, antes de se dirigir ao responsável palestiniano para o cumprimentar.

A Palestina, membro da FIFA desde 1998, queria que o organismo suspendesse Israel devido às restrições ao movimento de futebolistas palestinianos.

A federação palestiniana requeria também que cinco clubes, localizados na zona ocupada na Cisjordânia, fossem impedidos de participar no campeonato israelita.

Conteúdo publicado por Sportinforma