Acidente Chapecoense

29-11-2016 15:41

Presidente da Colômbia dá as condolências ao Chapecoense

Juan Manuel Santos, usou as redes sociais para lamentar o acidente aéreo que matou 75 pessoas
Juan Manuel Santos, Presidente Colômbia
Foto: MAURICIO DUENAS CASTANEDA

Juan Manuel Santos, Presidente Colômbia

Por SAPO Desporto C/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, usou as redes sociais para lamentar o acidente aéreo que matou pelo menos 75 pessoas na madrugada de hoje perto da cidade de Medellín.

"Uma tragédia que nos enluta. Lamentamos o acidente de avião que transportava o Chapecoense. Solidariedade para as famílias das vítimas e com o Brasil", escreveu no seu perfil do 'Twitter' o Presidente colombiano.

Jogadores, membros da comissão técnica, dirigentes e jornalistas mortos no acidente estavam a bordo de um voo 'charter' com 81 pessoas.

A equipa do Chapecoense viajou para disputar a primeira mão da final da Taça Sul-Americana com os colombianos do Atlético Nacional.

Em comunicado, o aeroporto de Medellin refere que o avião, com matrícula da Bolívia, "declarou-se em emergência" às 22:00 locais (03:00 em Lisboa) "por falhas técnicas", de acordo com a transmissão feita para a torre de controlo.

O avião tinha saído do aeroporto Viru Viru, de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, onde aparentemente tinha realizado uma escala técnica.

Conteúdo publicado por Sportinforma