Mundial 2018

23-03-2017 14:19

China vence Coreia do Sul com golo de Yu Dabao

Único tento foi marcado pelo antigo jogador do Benfica.
Yu Dabao representa a China

Yu Dabao em ação pela China

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

A China conquistou hoje a primeira vitória no grupo A da terceira fase asiática de apuramento para o Mundial de futebol de 2018, ao bater em casa a Coreia do Sul por 1-0, em encontro da sexta ronda.

Um golo do avançado Yu Dabao, antigo jogador do Benfica, aos 34 minutos, selou o triunfo dos comandados do italiano Marcello Lippi, que na primeira volta do agrupamento não tinham conseguido qualquer triunfo (dois empates e três derrotas).

Com este resultado, a formação chinesa passou a somar cinco pontos e ascendeu, provisoriamente, ao quinto lugar do agrupamento, com cinco pontos, contra quatro do Qatar, que ainda hoje recebe o líder Irão, de Carlos Queiroz.

Ainda antes de jogar, o Irão, que soma 11 pontos, já garantiu que seguirá na liderança do Grupo A, face aos desaires da Coreia do Sul (segunda, com 10 pontos) e do Uzbequistão (terceiro, com nove), derrotado por um 1-0 pela Síria (quarta, com oito).

Na casa emprestada da Malaca, na Malásia, os sírios venceram graças a uma grande penalidade convertida já em período de descontos, aos 90+1 minutos, por Omar Kharbin.

No grupo B, a Arábia Saudita venceu por 3-0 no reduto da lanterna-vermelha Tailândia por 3-0, com golos de Mohammed Al Sahlawi (25 minutos), Tanaboon Kesarat (84, na própria baliza) e Salman Almuwashar (90+2), e passou a somar 13 pontos, contra 10 do Japão, que ainda joga hoje nos Emiratos Árabes Unidos.

Por seu lado, a Austrália passou a somar 10 pontos, ao ficar-se por um empate a um golo no reduto do Iraque (quatro pontos), que marcou aos 76 minutos, por Ahmed Yassen, respondendo ao tento inicial de Mathew Leckie, aos 39.

Os dois primeiros classificados dos dois agrupamentos da terceira fase asiática de qualificação garantem um lugar no Mundial2018, enquanto os terceiros colocados defrontam-se num ‘play-off’, cujo vencedor disputa um lugar na Rússia com o quarto classificado da quinta ronda da CONCACAF.

Conteúdo publicado por Sportinforma