Liga Chinesa

24-03-2017 13:33

Jogador chinês punido com seis meses por pontapear Witsel

Quin Sheng joga no Shanghai Shenhua.
Axel Witsel investe em altos voos...literalmente
Foto: SAPO Desporto

Axel Witsel, jogador belga

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

A Federação Chinesa de Futebol (ACF) puniu hoje com seis meses de suspensão o jogador Quin Sheng, do Shanghai Shenhua, por pontapear o belga Axel Witsel, do Tianjin Quanjin, durante um jogo da Superliga, “para servir de exemplo”.

O incidente que esteve na base do castigo ocorreu ao minuto 24 do jogo entre o Shangai Shenhua e o Tianjin Quanjin, quando Quin Sheng pontapeou o antigo jogador do Benfica Axel Witsel, numa ação punida com o cartão vermelho direto.

O médio Quin Sheng, que foi ainda multado em 16.123 euros, vai falhar praticamente toda a época da Superliga chinesa, uma vez que o castigo se estende de 12 de março até 11 de setembro.

A conduta antidesportiva de Quin Sheng, que já pediu desculpas nas redes sociais pelo sucedido, valeu também da parte do clube de Xangai (leste da China), em que milita o argentino Carlos Tévez, a aplicação de uma multa de 40.317 euros ao jogador.

As incidências do encontro não se esgotaram no pontapé de Quin Sheng a Axel Witsel, dado que ao minuto 86 outra ação do jogador Sun Shilin, também do Shanghai Shenhua, mereceu uma polémica sanção por parte da ACF.

Sun Shilin foi punido com dois jogos de suspensão por ter levantado o polegar, num gesto irónico, quando um adversário falhou a marcação de uma grande penalidade, numa ação que foi também considerado pela ACF como conduta antidesportiva.

“O desenvolvimento do futebol na China precisa do esforço e proteção de todos os participantes. Os clubes têm que ter um papel ativo na formação dos atletas e nos seus dirigentes e servir de exemplo de fair-play”, refere a ACF em comunicado.

Conteúdo publicado por Sportinforma