Futebol/Argentina

30-03-2017 13:27

Maradona condena castigo de Messi: "É um ursinho de peluche"

Antigo internacional argentino disse que vai falar com Gianni Infantino, presidente da FIFA, sobre o castigo do jogador do Barcelona.
Messi
Foto: EPA/Juan Ignacio Roncoroni

Lionel Messi

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Diego Armando Maradona criticou esta quarta-feira o castigo aplicado a Lionel Messi, elogiando o caráter do compatriota. O jogador do Barcelona, recorde-se, foi suspenso por quatro jogos pela Comissão Disciplinar da FIFA, por ter dirigido "palavras insultuosas" a um árbitro assistente no jogo entre a Argentina e o Chile.

"Vou falar com Infantino, acho que é terrível. Quatro jogos é muitíssimo. Embora as palabras sejam fortes, é algo que pode ser mudado. Ele sabe que está a ser filmado. É um miúdo sensacional, que não se queixa de nada... É um tipo correto", começou por dizer Maradona, em declarações ao programa radiofónico "La Oral Deportiva".

"É um ursinho de peluche com os companheiros de equipa, com todos. Há que estar dentro de um balneário ou de um treino para perceber se foi um ato refletido. Comparo isso com a cabeçada de Zidane a Materazzi", acrescentou.

Conteúdo publicado por Sportinforma