Futebol/Itália

12-04-2017 12:08

Venda do AC MIlan para a China está bem encaminahda

Concretização do negócio tem vindo a ser adiado nos últimos dias.
Venda do AC Milan voltou a ser adiada

Venda do Milan está a ser discutida

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

A venda do clube italiano AC Milan deu hoje um passo significativo para a sua conclusão, depois de vários atrasos, com a chegada a Milão do líder do grupo empresarial responsável pela sua compra.

Após a concretização do negócio ter sido adiada por duas vezes, em dezembro de 2016 e março, o empresário chinês Yonghong Li viajou hoje até Milão, para fechar a compra do histórico clube italiano pela Rossoneri Sport Investment Luxembourg.

A transferência final dos 190 milhões de euros, adicionais aos 250 milhões já pagos e aos 180 milhões emprestados pelo fundo norte-americano Elliott Management, é esperada durante o dia e a venda definitiva concluída na quinta-feira.

O ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi é dono do AC Milan há 31 anos e a passagem do testemunho para os novos proprietários deverá acontecer sábado no dérbi com o Inter Milão, da 32.ª jornada da I Liga italiana de futebol.

O AC Milan ocupa a sexta posição da tabela classificativa da Série A, com 57 pontos, a 20 da líder e pentacampeã Juventus.

Conteúdo publicado por Sportinforma