Futebol / Inglaterra

27-04-2017 21:51

Treinador do Burnley considera "excessiva" sanção imposta a Joey Barton

O treinador do Burnley, Sean Dyce, considerou hoje “desmesurada e excessiva” a sanção imposta ao médio do clube Joey Barton.
Joey Barton
Foto: SAPO Desporto

Joey Barton

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O treinador do Burnley, Sean Dyce, considerou hoje “desmesurada e excessiva” a sanção imposta ao médio do clube Joey Barton, suspenso por 18 meses e multado em 35.000 euros, por participação em apostas desportivas.

“Dezoito meses parece-me muito tempo se comparação com outras situações que se vêm neste desporto (…) considero esta sanção desmesurada e excessiva”, disse o técnico do Burnley, na conferência de imprensa de antevisão da partida com o Crystal Palace, para a Primeira Liga inglesa.

Barton, de 34 anos, reconheceu ter realizado 1.260 apostas em jogos de futebol durante 10 anos, sendo agora “suspenso de toda a atividade com efeito imediato” – os regulamentos da Federação Inglesa de Futebol (FA) impedem os jogadores de apostarem.

Entre 2006 e 2016, período em que o internacional inglês confessou ter apostado, Barton representou Manchester City, Newcastle, Queens Park Rangers, Marselha (França) e Glasgow Rangers (Escócia).

“Temos de respeitar a decisão (da FA). Querem fazer uma demonstração de força. Quero ver agora se vão pôr fim com a mesma determinação a outras situações que vemos no futebol e sobre as quais me tenho queixado nos últimos dois anos”, apontou o técnico.

Conteúdo publicado por Sportinforma