FIFA/Futebol

29-04-2017 14:42

Presidente do Conselho Olímpico da Ásia nega corrupção

Sheik Ahmad, do Kuwait, que também é membro do Conselho da FIFA, manifestou-se “muito surpreendido por tais alegações”, negando “perentoriamente ter cometido qualquer infração”.
Jogador do Panamá morto a tiro
Foto: SAPO Desporto

Presidente do Conselho Olímpico da Ásia nega corrupção

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O presidente do Conselho Olímpico da Ásia, Sheik Ahmad, negou hoje a acusação de corrupção, entregue num tribunal federal dos Estados Unidos, a membros da FIFA, organismo que tutela o futebol mundial.

Sheik Ahmad, do Kuwait, que também é membro do Conselho da FIFA, manifestou-se “muito surpreendido por tais alegações”, negando “perentoriamente ter cometido qualquer infração”.

O comunicado foi publicado no site oficial do Conselho Olímpico da Ásia (COA), que Sheik Ahmad preside desde 1991.

Na quinta-feira, Richard Lai, membro do Comité de Auditoria da FIFA, admitiu ser culpado das suspeitas de fraude e conspiração relacionadas com subornos para conquistar influências no futebol internacional.

Num depoimento ao departamento de justiça de Brooklyn, nos Estados Unidos, Richard Lai referiu-se ao presidente do COA como “o conspirador número dois” neste processo de tráfico de influências.

No mesmo comunicado, Sheik Ahmad garantiu que defenderá vigorosamente e sua “integridade e reputação”.

Conteúdo publicado por Sportinforma