Futebol Internacional

08-05-2017 23:49

Muntari: “Fui tratado como um criminoso”

Jogador foi alvo de cânticos racistas, queixou-se e acabou suspenso.
Muntari foi punido com um jogo por protestos ao ser visado por cânticos racistas
Foto: EPA/FABIO MUZZI

Muntari, jogador do Pescara

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Muntari afirmou que foi tratado como um criminoso. No rescaldo do episódio insólito que culminou com a sua expulsão de um jogo onde foi alvo de cânticos racistas, o jogador apelou à FIFA que agisse contra este tipo de questões.

“Saí do campo porque senti que não era certo para mim estar no campo enquanto era alvo de racismo. Se vivesse uma situação semelhante no próximo jogo voltaria a fazer o mesmo. Talvez Infantino faça alguma coisa em relação a isto. Ele tem uma mente diferente, acho que é capaz de arranjar uma boa solução para combater o racismo”.

Recorde-se de que Muntari foi expulso depois de ter informado o árbitro que estava a ser alvo de abusos racistas durante o jogo da Serie A frente ao Cagliari. O episódio correu o mundo com muitos elogios para o jogador.

Conteúdo publicado por Sportinforma