Futebol

14-05-2017 23:14

Domingo de goleadas em Portugal...e por esta Europa fora. Neymar e CR7 brilharam

Na Primeira Liga coube ao SC Braga fechar o domingo (mas não a ronda, que termina na 2.ª feira) com uma goleada de 4-0 ao já despromovido Nacional.
Cristiano Ronaldo celebra golo
Foto: Lusa

Cristiano Ronaldo celebra golo

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Este foi um domingo proveitoso no que ao futebol diz respeito. Tanto em Portugal como nas principais ligas europeias marcaram-se muitos golos, com destaque para as equipas que estão na parte de cima das tabelas classificativas.

Na Primeira Liga coube ao SC Braga fechar o domingo (mas não a ronda, que termina na 2.ª feira) com uma goleada de 4-0 ao já despromovido Nacional. Destaque para o quarto golo minhoto, apontado por um miúdo que vai dar muito que falar: Pedro Neto, de apenas 17 anos.

Antes do SC Braga o FC Porto tinha-se despedido do Dragão esta época com um 4-1 ao Paços de Ferreira. Num jogo que contava para muito pouco, os ´dragões` entraram a perder, mas deram a volta ao marcador até chegar a goleada, com golos de Herrera, Brahimi (g.p.), Diogo Jota e André Silva (g.p.).

Lá fora também se marcou muitos golos, para todos os gostos e feitios. Aqui ao lado, em Espanha, os da frente não desarmaram e venceram os respetivos jogos de forma folgada. No Santiago Bernabéu, Cristiano Ronaldo voltou a ser o herói ao apontar dois dos quatro golos da goleada merengue sobre o Sevilha. O jogo ficou marcado pelo insólito, caricato e polémico primeiro golo dos merengues, apontado por Nacho, quando todos esperavam pela formação da barreira para um livre. Jovetic fez o tento dos sevilhanos e relançou a partida antes de CR7 entrar em cena.

Se no Real brilhou um português, no Barça o protagonista também tem sotaque português..., mas do Brasil. Neymar foi a figura do encontro do Barcelona frente aos Las Palmas ao marcar três dos quatro golos dos culés na vitória por 4-1. Suárez fez o outro tento dos catalãs, Pedro Bigas marcou para o Las Palmas. Barcelona e Real Madrid seguem com os mesmos 87 pontos a uma jornada do fim, com vantagem dos culés no confronto direto, mas o Real tem menos um jogo.

Em Itália a Juventus podia fazer a festa do hexa caso pontuasse frente a AS Roma, mas perdeu. O destaque deste domingo na Serie A vai para a goleada do Nápoles por 5-0 no terreno do Torino.

Na Ligue 1 o Mónaco podia festejar o título já este domingo mas o PSG assim não quis. Os monegascos, com Moutinho e Bernardo Silva a titular, deram 4-0 ao Lille de Éder e são virtuais campeões franceses, quando falta uma jornada para o fim (e o Mónaco tem um jogo a menos). A equipa de Leonardo Jardim tem 89 pontos, mais três que o PSG mas os monegascos tem um encontro a menos, pelo que podem fazer a festa frente ao Saint-Étienne na próxima quarta-feira. O PSG vai fazendo o que lhe compete, e com goleada. Aplicou ´chapa cinco` no terreno do Saint-Etienne e fica à espera de um milagre para chegar ao penta.

Ainda no capítulo das goleadas, damos um salto até Inglaterra onde, nos três encontros deste domingo, assistiu-se a duas goleadas, uma delas com sabor muito amargo para um português. O Hull City de Marco Silva foi goleado por 4-0 pelo Crystal Palace e desceu automaticamente de divisão. A outra goleada foi do Liverpool em casa do West Ham United. O Manchester United de Mourinho saiu derrotado na visita ao Tottenham por 2-1.

Quando o assunto é golos, a Holanda nunca desilude. Numa liga onde as equipas estão mais preocupadas em marcar do que em sofrer, tivemos golos em todos os jogos e só duas equipas ficaram em branco. O ADO Den Haag deu 4-1 ao Excelsior, o PSV Eindhoven venceu por 4-1 o PEC Zwolle. No FC Twente-FC Groningen não houve goleada, mas marcaram-se oito golos, com a equipa forasteira a vencer por 5-3. Aqui a decisão do título será na derradeira jornada.

Conteúdo publicado por Sportinforma