Futebol Internacional

15-05-2017 12:17

Lavezzi acusado de racismo na China

Jogador argentino terá aparecido numa foto polémica, que não caiu bem entre os adeptos chineses.
Lavezzi com gesto polémico
Foto: DR

Ezequiel Lavezzi está a ser alvo de críticas depois deste gesto polémico (na foto)

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

É um dos jogadores mais bem pagos do mundo mas não está livre de polémicas. Ezequiel Lavezzi está a ser acusado de racismo, depois da publicação de uma foto.

Segundo o site Goal.com, o jogador aparece a tentar personificar uma pessoa chinesa durante uma sessão fotográfica comercial para o Hebei China Fortune, clube que representa.

Na foto, o jogador surge a sorrir e a fazer uma expressão facial ofensiva, enquanto usa o equipamento do conjunto chinês.

A imagem foi alvo de grandes críticas por parte dos adeptos chineses, com algumas pessoas a pedirem mesmo que Lavezzi abandone o país imediatamente.

Outros simpatizantes questionaram como é que o clube permite que uma foto destas seja publicada no seu site oficial ou comparando mesmo Lavezzi a Nicolas Anelka, que deixou o West Brom em 2014, depois de celebrar um golo com o Quenelle, um alegado gesto invertido da saudação Nazi.

Tanto o jogador como o clube já vieram a público pedir desculpa pelo sucedido, afirmando que não houve intenções de ofender ou prejudicar o povo chinês.

Conteúdo publicado por Sportinforma