Futebol Internacional

09-06-2017 13:05

Argentina derrota Brasil na estreia de Sampaoli

Golo solitário de Mercado foi suficiente para garantir a vitória da equipa albiceleste no particular com a 'canarinha'.
Jorge Sampaoli, selecionador da Argentina
Foto: EPA/David Fernandez

Jorge Sampaoli teve uma estreia de sucesso frente ao Brasil

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Sampaoli teve uma estreia de sucesso no comando técnico da Argentina, e logo frente ao Brasil. A seleção albiceleste derrotou a congénere brasileira por 1-0, em jogo particular realizado na Austrália.

Tite decidiu poupar Neymar para esta partida e apresentou um onze com muitas alternativas. Ederson, guarda-redes do Benfica, que foi transferido para o Manchester City, não saiu do banco de suplentes.

Do outro lado, Salvio também ficou no banco da seleção argentina, com Sampaoli a apostar em Messi e num onze com uma frente de ataque muito forte, composta pelo astro argentino, Dybala, Di María e Higuáin.

A equipa começou de forma muito equilibrada, com oportunidades para ambas as equipas. Di María foi um dos principais destaques da Argentina, ao rematar ao poste logo aos cinco minutos e a ter mais duas oportunidades, aos 21 e aos 23 minutos.

E seria o próprio extremo argentino a ter influência no único golo do encontro. Aos 44 minutos, Messi cobra de maneira curta para Di María, que cruza para a área, onde surge Otamendi. O central, que já pertenceu ao FC Porto, cabeceou ao poste e, na recarga, surge Mercado, que coloca a bola no fundo das redes.

Na segunda parte, foi o Brasil que teve a perdida da partida. Aos 62 minutos, Gabriel Jesus recebe a bola, dribla o guarda-redes Sergio Romero mas remata ao poste da baliza albiceleste. Na recarga, Willian surge isolado mas também rematou ao poste.

A segunda parte acabou por perder um pouco de ritmo, também devido às muitas substituições que os dois treinadores operaram.

Sampaoli consegue assim a primeira vitória ao serviço da seleção argentina, enquanto que Tite teve a primeira derrota ao serviço de Brasil, num jogo de preparação mas que tem sempre muita importância para as duas equipas.

Conteúdo publicado por Sportinforma