Pedrógão Grande

18-06-2017 16:30

Presidente da FIFA "chocado" com o incêndio

O último balanço do incêndio que deflagrou no sábado em Pedrógão Grande dá conta de 62 mortos. O número de feridos mantém-se nos 59.
Infantino, presidente da FIFA

Infantino, presidente da FIFA

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O presidente da FIFA, Gianni Infantino, mostrou-se hoje "chocado” com o incêndio de Pedrógão Grande, que já vitimou mais de meia centena de pessoas em Portugal, e enviou um "grande abraço" a todo o país.

"Hoje é um dia muito triste e estamos todos com Portugal. Estou chocado com o que aconteceu, é terrível. Um grande abraço de todo o coração para Portugal. Não tenho palavras. É terrível", afirmou Gianni Infantino.

O presidente da FIFA falava aos jornalistas durante uma visita à sala de imprensa da Arena Kazan, palco do duelo entre Portugal e México, da Taça das Confederações.

Antes do encontro, que está agendado para as 18:00 (16:00 horas de Lisboa), vai ser cumprido um minuto de silêncio e a seleção nacional vai atuar com fumos negros.

Conteúdo publicado por Sportinforma