Sporting

16-09-2016 11:53

Árbitros não perdoam Jorge Jesus

Treinador português já foi expulso por duas ocasiões nos últimos cinco jogos. Presença no banco em Varsóvia está em risco.
Jorge Jesus cumprimenta Zidane antes do início do encontro
Foto: AFP

Jorge Jesus cumprimenta Zidane antes do do encontro em Madrid

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Jorge Jesus não tem tido vida fácil com os árbitros. O técnico português já demostrou nos últimos anos que é muito expressivo, mas esta temporada os juízes não têm perdoado Jesus. O treinador do Sporting já foi expulso do banco de suplentes por duas vezes nos últimos cinco jogos do clube leonino. Frente ao FC Porto e ao Real Madrid, o português acabou a ver o jogo junto dos adeptos.

No campeonato, o clube leonino acabou por bater os dragões no clássico de Alvalade, mas no Bernabéu a história correu de outra forma. De acordo com o próprio, o resultado em Madrid teria sido diferente se Jorge Jesus tivesse permanecido no banco de suplentes.
A mais recente expulsão deveu-se aos protestos do técnico ao amarelo mostrado a William Carvalho. O árbitro não gostou da ação do português e deu-lhe ordem de expulsão. Já na bancada, Jorge Jesus viu o Real Madrid empatar por Ronaldo e dar à volta ao marcador por Morata.

Os protestos de Jesus podem condicionar a sua presença no próximo jogo do Sporting na Liga dos Campeões. De acordo com o jornal ‘A Bola’, a UEFA pode castigar o treinador e impedi-lo de estar no banco de suplentes frente ao Légia de Varsóvia.

Este cenário depende do que vai estar escrito no relatório do árbitro que foi entregue ao órgão que gere o desporto europeu. Caso a UEFA considere uma infração grave, Jorge Jesus pode ficar arredado do banco de suplentes.

Depois da derrota em Madrid, o Sporting precisa de pontuar frente ao Légia de Varsóvia. A hipótese de qualificação do grupo F depende muito dos resultado que o clube leonino faça contra a equipa polaca. Recorde-se de que a outra equipa do grupo é o Borussia Dortmund que bateu o Légia por 6-0 na ronda inaugural.

Conteúdo publicado por Sportinforma