Real Madrid 4-2 Bayern

18-04-2017 22:13

CR100 faz história na Champions e mostra o caminho para as 'meias'

Hat-trick do português colocou o Real Madrid nas 'meias' da Liga dos Campeões.
Ronaldo dá vitória ao Real Madrid
Foto: EPA/Juanjo Martin

Ronaldo volta a fazer história na Liga dos Campeões

Por Inês Antunes sapodesporto@sapo.pt

Podem começar a tratá-lo por CR100. Cristiano Ronaldo voltou a fazer história na Liga dos Campeões, esta terça-feira, com um 'hat-trick' aplicado ao Bayern Munique, na segunda mão dos quartos de final, atingindo assim a marca dos 100 golos na Champions. Escusado será dizer que os 'merengues' estão nas meias-finais, após vitória por 4-2, mas não sem algum sofrimento à mistura, com a partida a ter mesmo de ir para prolongamento. Recorde-se que os madridistas já haviam vencido em Munique por 2-1.

Naquele que foi um jogo de loucos, até foi a equipa de Ancelotti a mostrar iniciativa, o que se percebe, uma vez que estavam em desvantagem na eliminatória. Foram sucessivas as subidas no terreno dos laterais Lahm e Alaba, a aproveitar o facto de os 'merengues' estarem a jogar sem extremos - 4x4x2 com um losango a meio-campo. Foi assim aos 9 minutos: investida de Alaba na esquerda, a deixar para o centro de Ribéry, que procurava Thiago Alcântara, mas Marcelo desviou a tempo o remate do hispano-brasileiro. Na sequência do lance, Robben tinha a baliza aberta mas rematou ao lado.

A pressão bávara manteve-se nos minutos seguintes, com jogadas sucessivas que deixaram a defensiva 'merengue' a tremer, ainda que sem efeitos práticos. Sol de pouca dura. Isto porque a equipa de Zinédine Zidane começou a subir no terreno e, aos poucos, a tomar conta do jogo. Aos 23 minutos, Benzema tentou surpreender Neuer, após cruzamento de Marcelo, mas o desvio de cabeça saiu um pouco ao lado da baliza dos alemães. Três minutos depois, foi a vez de Carvajal rematar, de fora da área, travado por uma excelente defesa de Neuer. Logo a seguir Sergio Ramos viu o seu remate ser desviado miraculosamente por Boateng à boca da baliza (Neuer já estava batido). Pouco antes do intervalo, Marcelo abriu para Kroos, que, à entrada da área, e sem qualquer marcação, acabou por rematar contra Hummels. Mantia-se o nulo no marcador mas os adeptos no Bernabéu (e em casa) já mereciam golos de parte a parte.

O segundo tempo iniciou-se da mesma forma que o primeiro, com uma excelente entrada do Bayern. E aos 51 minutos, o árbitro assinala grande penalidade a favor dos alemães, a castigar falta de Casemiro na área sobre Robben. Na conversão, Lewandowski não falhou: bola para um lado, Navas para o outro, e estava feito o 1-0.

A apenas um golo de conseguir o apuramento para as 'meias', a equipa de Carlo Ancelotti procurou de imediato dilatar a vantagem, com Vidal (55'), Ribéry (57') e Lewandowski (62') a estarem muito perto do segundo golo no Bernabéu, com os 'merengues' a tremerem perante a pressão dos forasteiros.

A formação de Zidane, contudo, contrariou a corrente do jogo e restabeleceu a igualdade no marcador, com um cabeceamento certeiro de Cristiano Ronaldo, após cruzamento de Casemiro para o coração da área. O português passa a estar a apenas um remate certeiro da marca dos 100 golos na Liga dos Campeões.

Certo é que o Real Madrid nem teve tempo de festejar pois, um minuto depois, Sergio Ramos decidiu fazer das suas, mas na baliza contrária, traindo Keylor Navas, após uma combinação entre Lewandowski e Muller. Com a eliminatória empatada, cheirava a prolongamento em Madrid, o que se verificou, não sem antes os bávaros terem ficado reduzidos a dez elementos, após expulsão de Vidal (84'), por acumulação de amarelos.

Já no prolongamento, Ronaldo resolveu ser... Ronaldo, e com dois golos chegou à marca inédita de 100 tentos na Champions. Primeiro (104'), num remate com o pé esquerdo para o fundo das redes, depois de dominar a bola com o peito - estava, contudo, em posição irregular; segundo, na sequência de uma excelente jogada individual de Marcelo (um dos melhores em campo, de resto). Com a confiança em alta, foi a vez de Asensio sentenciar a partida, fintando Hummels e rematando cruzado para o 4-2.

Veja as fotos do jogo!


Conteúdo publicado por Sportinforma