Liga espanhola

28-10-2014 20:00

Presidente do Atlético Madrid reacende polémica em Espanha

Ausência de prémios do Atlético Madrid na gala da liga espanhola criou mau estar na direção "colchonera".
Enrique Cerezo
Foto: JAVIER SORIANO / AFP

Dirigente "colchonero" fez críticas implícitas aos resultados dos prémios da Liga espanhola

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

O presidente do Atlético Madrid Enrique Cerezo voltou a comentar a atribuição dos prémios da liga espanhola da época 2013/2014, e não deixou de fazer algumas críticas implícitas ao facto dos jogadores "colchoneros" não terem sido distinguidos depois de terem conquistado o título.

"Desde que terminou a gala que o meu telemóvel não parou de receber mensagens e chamadas com referência a estes prémios. Há unanimidade sobre os jogadores do Atlético. Quero felicitar Gabi, Koke e Miranda como se tivessem sido eles os premiados", começou por dizer o dirigente à Rádio Marca.

"Não tenho nada contra os que ganharam, mas se queremos que estes prémios tenham a importância merecida é necessário mudar o sistema", acrescentou Enrique Cerezo.

"As votações para este prémio [Bola de Ouro] são públicas, no caso da Liga espanhola são confidenciais", frisou ainda o dirigente "colchonero".

Conteúdo publicado por Sportinforma