Real Madrid

18-03-2017 19:40

Zidane desvaloriza substituição de Ronaldo em 'San Mamés'

Real Madrid passa em Bilbau 2-1 e mantém folga para o Barcelona que joga domingo
Zinedine Zidane durante uma conferência de imprensa do Real Madrid
Foto: EPA/SANTI DONAIRE

Real Madrid passa em Bilbau 2-1 e mantém folga para o Barcelona que joga domingo

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

O português Cristiano Ronaldo fez hoje as assistências para os golos do Real Madrid no difícil triunfo por 2-1 na visita ao Athletic Bilbau, que permite ao Real Madrid manter a liderança da liga espanhola de futebol.

Antes de ser substituído por Isco aos 79 minutos, em jogo da 28.ª jornada, o internacional português interveio nos dois golos dos ‘merengues’, começando num contra-ataque em que correu pela esquerda e cruzou para o francês Karim Benzema marcar, aos 25.

Depois de Aduriz ter empatado, aos 65, o madeirense saltou e desviou de cabeça, na sequência de um canto, para o brasileiro Casemiro marcar o segundo do Real Madrid, aos 68.

No final do jogo, o treinador do Real Madrid foi questionado sobre a substituição de Cristiano Ronaldo, e desvalorizou o facto do jogador português não ter marcado um golo frente ao Athletic Bilbao.

"Destaco a partida de todos. É verdade que o Karim fez um grande jogo. No final, o que havia a fazer era ter um pouco mais de equilibrio com um 4-4-2. A substituição de Cristiano? Pode sair de vez em quando e é isso, estava contente pelo jogo", afirmou Zinedine Zidane.

"Metemos o Lucas Vázquez na linha, defender um pouco mais juntos e ter mais equilibrio. Isso não significa que demos um passo atrás para esperar o rival, mas sim o contrário: foi para ter mais equilibrio porque estávamos um pouco mais lentos na segunda parte, sobretudo no final. Com os dois na frente tinhamos que estar mais juntos no meio campo e metemos o Isco e o Morata no final porque o Cristiano [Ronaldo] e o Gareth [Bale] tinham dado muito. Quando corres para cima é um pouco difícil. O Isco e o Morata fizeram-no muito bem", acrescentou o técnico francês sobre a saída de Modric.

Com este resultado, o Real Madrid soma 65 pontos em 27 jogos, pois tem um em atraso, enquanto o Barcelona, que domingo recebe o Valência, tem 60 pontos.

Conteúdo publicado por Sportinforma