Liga espanhola

31-03-2017 22:18

Espanyol vence Betis no último fôlego

Espanyol vira resultado e evita que erro arbitral dite derrota diante do Betis.
Pablo Piatti (C) disputa a bola no Espanyol-Betis
Foto: EPA/ALEJANDRO GARCIA

Pablo Piatti (C) disputa a bola no Espanyol-Betis

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

Dois golos do Espanyol nos últimos minutos garantiram a vitória sobre o Bétis por 2-1 e evitaram que um erro grave do árbitro alterasse a verdade desportiva, na abertura da 29.ª jornada da liga espanhola de futebol.

Com efeito, o juiz espanhol José González assinalou um penálti contra o Espanyol, aos 76 minutos, por alegada mão na bola de Javi Fuego, quando este dominou a bola na área com a coxa, sem margem para dúvidas.

Javi Fuego e os jogadores do Espanyol bem protestaram, mas o árbitro foi inflexível e manteve a decisão que permitiu ao Bétis inaugurar o marcador aos 78 minutos, por Rúben Castro, que executou o penálti com competência.

A reação do Espanyol foi imediata, depois de um nulo que se arrastou durante quase toda a partida, e, no espaço de três minutos, entre os 87 e os 90, deu a volta ao resultado, com dois golos de Javi Fuego e do antigo jogador do Benfica José António Reyes, este último um golo de ‘bandeira’, com um remate de fora da área.

Dois golos que acabaram por minimizar o erro grosseiro do árbitro, visto que este não chegou a ter influência no resultado final.

Com este triunfo, o Espanyol, dirigido pelo antigo treinador do Benfica, Quique Flores, subiu, provisoriamente, ao oitavo lugar, com 43 pontos, ultrapassando o Eibar, que agora é nono, com 41, enquanto o Bétis manteve o 13.º lugar, com 31.

Conteúdo publicado por Sportinforma