Liga Espanhola

14-05-2017 20:47

Ronaldo bisa e mantém Real na corrida ao título

A equipa de Zidane passa a ter 87 pontos, os mesmos do Barcelona que goleou o Las Palmas.
Ronaldo celebra golo
Foto: Lusa

Ronaldo celebra golo

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

O Real Madrid continua a depender de si para vencer a Liga Espanhola. Em jogo da 37.ª e penúltima ronda, os merengues golearam o Sevilha por 4-1.

Para este encontro, Zidane poupou vários jogadores, entre eles Casemiro, Modric, Benzema e Isco, já que a meio da semana irá defrontar o Celta de Vigo, jogo que tem em atraso.

A equipa de Zidane entrou a vencer graças a um golo insólito e muito polémico. Aos 10 minutos, o árbitro Alberto Undiano Mallenco assinalou falta sobre Moratta, foi até ajudar um jogador do Sevilha que estava no relvado. Entretanto e enquanto o guardião do Sevilha preparava-se para formar a barreira, Nacho rematou para a baliza deserta. O árbitro validou o golo, para desespero e protestos dos jogadores do Sevilha.

Ainda no primeiro tempo Ronaldo aumentou a contagem para 2-0, aproveitando uma defesa incompleta de Sergio Rico, após remate de James.

No segundo tempo o Sevilha reduziu com um grande golo de Jovetic, num remate colocado, de fora da área. Os merengues passaram por um mau bocado até voltar a aparecer Cristiano Ronaldo. O português fez o 3-1 de pé esquerdo, concluindo uma jogada que ele próprio começou.

O 4-1 é da autoria de Toni Kroos, aos 84, num desvio de primeira na área após centro da esquerda. Nesta altura já Zidane tinha lançado Modric e Casemiro para segurar o meio-campo.

A equipa de Zidane passa a ter 87 pontos, os mesmos do Barcelona que goleou o Las Palmas. Na quarta-feira, se o Real Madrid empatar ou vencer o Celta, passa para a frente da Liga e poderá fazer a festa no próximo fim-de-semana, no terreno do Málaga. O Barcelona recebe o Eibar.

Caso merengues e culés terminem com os mesmos pontos, o título é dos catalães que tem vantagem no confronto direto.

Conteúdo publicado por Sportinforma