Futebol/França

20-03-2017 21:30

Bernardo Silva considera que boa época do Mónaco se deve ao esforço da direção

Bernardo Silva explicou que ao estarem a disputar todas as competições a pressão acaba por ser benévola e que faz parte das equipas que jogam a um grande nível.
Bernardo Silva festeja golo pelo Mónaco
Foto: SAPO Desporto

Bernardo Silva festeja golo pelo Mónaco

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

O futebolista português do Mónaco Bernardo Silva disse hoje que o esforço feito pela direção do clube é o segredo para a boa temporada realizada até ao momento, aludindo às quatro competições em que ainda estão inseridos.

"Acho que se explica pelo facto de o presidente e de toda a direção ter feito um esforço para não vender nenhum jogador. A verdade é que o Mónaco este ano se reforçou muito bem, os [jogadores] emprestados voltaram, como o Germain e o Falcão, que são muito importantes para a equipa", contou, prosseguindo: "Alguns jovens também estão a aparecer numa altura decisiva, como o Mbappé, que tem feito uma época fantástica".

À margem de um evento de marca desportivo, Bernardo Silva explicou que ao estarem a disputar todas as competições a pressão acaba por ser benévola e que faz parte das equipas que jogam a um grande nível.

"A pressão sempre a tivemos, pois estamos na frente do campeonato, continuamos na ‘Champions League’, na Taça de França e estamos na final da Taça de Liga. A pressão sobe um bocadinho, mas quando jogamos a este nível temos que estar habituados. A pressão é uma coisa boa e obriga-nos a ser melhor dia após dia", disse.

Para o internacional português, depois de os monegascos terem alcançado os quartos de final da Liga dos Campeões ao eliminarem os ingleses do Manchester City, a final da competição "é um sonho", reconhecendo que "não será tarefa fácil e que apenas irão pensar primeiro no Borussia Dortmund".

A terminar, o médio português, que esta temporada soma nove golos ao serviço dos franceses, disse que não pensa em sair do clube, mas admite vontade em jogar em outras ligas europeias.

"A verdade é que me sinto muito bem no Mónaco, quero acabar a temporada ao mais alto nível e a ganhar títulos. Um dia não se sabe o que pode acontecer e todos os jogadores sonham jogar nas grandes ligas, como a de Inglaterra e Espanha. Neste momento, não há nada em concreto e no final da época ligarei ao meu empresário", concluiu.

Conteúdo publicado por Sportinforma