Man. United - Man. City

10-09-2016 10:24

Mou vs Pep: O mundo vai parar para assistir a Batalha de Manchester

O Manchester United de José Mourinho recebe o Manchester City de Pep Guardiola, num dos jogos mais aguardados do ano.
José Mourinho e Pep Guardiola
Foto: AFP

José Mourinho e Pep Guardiola

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

A cidade de Manchester não será a mesma depois de hoje. Old Trafford será palco do dérbi mais universal da história. Na última década, as duas principais formações da cidade de Manchester venceram sete das dez edições da Premier League (cinco do United e dois do City). Mourinho e Guardiola prometem redimensionar esta rivalidade de 134 anos e 171 jogos. Os dois técnicos mais carismáticos, mais premiados e icónicos da atualidade num frente a frente, comandando dois poderosos do futebol mundial da atualidade.

Muito mais que um jogo de futebol

De um lado Pogba, Ibrahimovic e Rooney...do outro, Kevin De Bruyne, Kun Aguero e David Silva. Estrelas mundiais, jogadores de classe acima da média, capazes de decidir um partida num lance de génio.

Este encontro será também a reedição da ´guerra` entre Mourinho e Guardiola que teve o seu pique entre 2010 e 2013 quando os dois treinaram Real Madrid e Barcelona, respetivamente. Mourinho, que chegou esta época ao Manchester United tal como Guardiola ao City, tentaram colocar um pouco de ´água na fervura` deste intenso encontro que se joga tanto dentro como fora das quatro linhas.

"Somos gente educada. Porque não haveríamos de nos cumprimentar? Não há razão para não faze-lo", respondeu Guardiola, quando questionado sobre o encontro com Mourinho. Também o ´Special One` tentou diminuir a tensão à volta dos jogos com o treinador catalão. "Não faz sentido centramos apenas numa equipa. A Liga Espanhola era uma corrida a dois, por isso a relação com Pep foi como foi. A Premier League é diferente", afirmou Mourinho sobre a sua conturbada relação com o catalão.

Chuva adiou confronto em... Pequim

O primeiro encontro destes dois icónicos treinadores estava marcado para Pequim, na pré-época mas um dilúvio fez adiar este choque de titãs que já conta com 16 capítulos. Nas anteriores batalhas, Guardiola venceu sete, contra três de Mourinho, sendo que se registaram seis empates. A nível de títulos, a vantagem é do português, que leva 23 títulos em 16 temporadas, contra 21 em sete épocas de Guardiola.

Os dois chegam ao encontro como líderes da Premier League, ao lado do Chelsea, ao cabo de três jornadas. Na eleição para Treinador do Mês de Março, Mourinho levou a melhor sobre Guardiola.

´Guerra` de milhões por um lugar no trono

Com a sua filosofia de jogo, Guardiola está a ambientar-se a numa nova cidade, a uma nova cultura mas também a uma Liga diferente, que não tem paralelo em todo o mundo. Ajudado pelos petrodólares dos donos dos ´citizens`, Pep quer dominar Inglaterra. Já Mourinho regressa pela terceira vez, depois de ter sido despedido em duas ocasiões por Abramovitch no Chelsea. Após vencer três títulos, o português quer levar o United aos triunfos, depois de três anos de seca, que coincidiram com a saída de Ferguson do clube. Os adeptos dos ´red devils` não quererão nada abaixo do título de campeão inglês.

A primeira batalha entre os dois técnicos jogou-se no mercado de transferências, com o City (213 milhões de euros) e o United (185 ME) a serem os clubes que mais gastaram em Inglaterra. Os ´red devils` foram buscar Pogba, Ibrahimovic, Bailly e Henrikh Mkhitaryan enquantos os ´citizens` reforçaram-se com John Stones, Leroy Sané, Nolito, Gundogan e Claudio Bravo.

Depois de partilharem o balneário no Camp Nou e de ´chorarem` na Liga Espanhola, Mourinho e Guardiola reencontram-se em Inglaterra para mais um duelo planetário.

Conteúdo publicado por Sportinforma