Qual. Mundial2018

14-06-2017 10:50

Bryan Ruiz deixa a Costa Rica mais perto da Rússia

Os costa-riquenhos reforçaram o segundo lugar, a três pontos do líder México e com mais três do que os Estados Unidos.
Bryan Ruiz
Foto: Ezequiel Becerra / AFP

Bryan Ruiz ao serviço da Costa Rica

Por SAPO de sapodesporto@sapo.pt

Um golo de Bryan Ruiz, futebolista do Sporting, valeu terça-feira à Costa Rica uma difícil vitória por 2-1 na receção à lanterna-vermelha Trindade e Tobago e a aproximação ao Mundial da Rússia2018.

Após seis jornadas da derradeira fase de qualificação da CONCACAF, os costa-riquenhos reforçaram o segundo lugar, a três pontos do líder México e com mais três do que os Estados Unidos, que empataram domingo 1-1, no Estádio Azteca.

Por seu lado, o Panamá segurou ‘in-extremis’ o quarto lugar, que qualifica para um ‘play-off’ intercontinental, ao empatar em casa a dois tentos com as Honduras, graças a um tento de Román Torres, aos 90 minutos.

Em San José, a Costa Rica adiantou-se logo no minuto inicial, por Francisco Calvo, servido pelo ‘leão’ Joel Campbell, mas, aos 35, os forasteiros restabeleceram a igualdade, obra de Kevin Molino.

Quase sobre o intervalo, Bryan Ruiz logrou dar nova vantagem aos anfitriões, que a seguraram até ao final, muito graças a várias intervenções decisivas do guarda-redes Keylor Navas, do Real Madrid.

Na Cidade do Panamá, as Honduras, que precisavam de vencer para ascender aos lugares de apuramento, adiantaram-se no marcador aos seis minutos, por Rommel Quioto, mas, antes do intervalo, aos 41, Blás Perez apontou o tento da igualdade.

Após o intervalo, os visitantes voltaram a adiantar-se, por Alberto Elis, aos 65 minutos, só que, sobre o final, o Panamá conseguiu chegar ao 2-2 e segurar o quarto posto, perdendo, ainda assim, a oportunidade de alcançar o terceiro.

A sétima de 10 rondas realiza-se a 31 de agosto, com os Estados Unidos a receber a Costa Rica, o México a defrontar em casa o Panamá e as Honduras a viajarem a Trindade e Tobago.

Os três primeiros classificados qualificam-se diretamente para a fase final do Mundial de futebol de 2018, que se realiza na Rússia, e o quarto joga um ‘play-off’ intercontinental, com o quinto classificado da zona asiática.

Conteúdo publicado por Sportinforma