Mundial 2014

15-06-2014 10:36

Seleção lusa com saldo positivo em estreias em grandes competições

Portugal procura estreia positiva no Mundial 2014 frente à Alemanha.
Cristiano Ronaldo procura entrar a vencer no Mundial 2014
Foto: DR

Seleção portuguesa tem Cristiano Ronaldo como a grande referências para uma estreia positiva

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

A seleção portuguesa de futebol tem um saldo positivo na estreia em grandes competições, tendo sofrido apenas três derrotas em 11 encontros, uma das quais com a Alemanha, adversária na quinta-feira, no primeiro encontro no Mundial2014.

Portugal e a Alemanha reencontram-se na segunda-feira em Salvador, pouco mais de dois anos de se trem defrontado na estreia no Euro2012, com o triunfo na altura a cair para o lado dos germânicos, por 1-0, graças a um golo de Mario Gomez, aos 72 minutos.

Nas cinco estreias em Mundiais, Portugal soma três triunfos, um empate e apenas uma derrota, no Mundial2002, contra os Estados Unidos (3-2, depois de ter estado a perder por 3-0), adversários na segunda jornada do Grupo G do torneio de 2014.

O primeiro encontro de Portugal em fases finais de grandes competições aconteceu em 1966, em Manchester, com o triunfo sobre a Hungria, por 3-1, com dois golos de José Augusto e um de Torres, a lançar Portugal para uma excelente campanha, coroada com o terceiro lugar.

Foi preciso esperar 20 anos para ver Portugal novamente num Mundial, no malfadado torneio do México, em que Portugal caiu logo na primeira fase, apesar do triunfo na estreia contra a Inglaterra (1-0), com um golo solitário de Carlos Manuel, em Monterrey.

Depois da derrota em 2002, Portugal regressou aos triunfos na estreia em Mundiais na Alemanha, em 2006, com Pauleta a selar o triunfo sobre Angola (1-0), antes de, na última edição, em 2010, na África do Sul, empatar a zero com a Costa do Marfim.

Ao nível dos Europeus, o saldo é mais equilibrado, com dois triunfos, dois empates e outras tantas derrotas, entre as quais a sofrida com a Grécia (2-1), no Euro2004, em casa, num encontro marcado pela estreia a marcar de Cristiano Ronaldo na seleção “AA” e em grandes competições.

Portugal chegaria à final do "seu" Europeu, mas voltaria a cair perante os gregos, por 1-0.

Em matéria da competição do "velho continente", destaque para o triunfo por 3-2 sobre a Inglaterra, em 2000, depois de os ingleses terem chegado rapidamente a 2-0.

Conteúdo publicado por Sportinforma