Luís Filipe Vieira

02-08-2011 08:07

«Roberto foi vítima das circunstâncias»

O presidente do Benfica considera que o guarda-redes espanhol será uma «referência» a nível mundial no futuro.
«Roberto foi vítima das circunstâncias»

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Luís Filipe Vieira relativizou a venda de Roberto ao Saragoça por 8,6 milhões de euros, num negócio que agitou o mercado esta segunda-feira.

O Benfica conseguiu assim ganhar 100 mil euros de lucro, face aos 8,5 pagos há um ano ao Atlético de Madrid. No entanto, Vieira sublinha que o guardião espanhol vale muito mais, mesmo que não tenha tido uma boa época nos encarnados.

«Roberto foi vítima das circunstâncias, mas nunca esteve em causa o seu valor. Dentro de muito pouco tempo, Roberto será uma das referências mundiais no seu posto e valerá muito mais do que aquilo por que foi vendido», defendeu o presidente do Benfica, em declarações ao jornal A Bola.

O surpreendente valor da transferência está supostamente relacionado com a intermediação de Jorge Mendes e a transferência de Pablo Aimar em 2008. Segundo o Diário de Notícias, os 8,6 milhões de euros refletem um acerto de contas entre o Benfica e o Saragoça.