Benfica Campeão 2014

20-04-2014 22:06

“Almas de Eusébio e Coluna alavancaram” vitória benfiquista

O Benfica venceu o Olhanense por 2-0 e sagrou-se campeão.
“Almas de Eusébio e Coluna alavancaram” vitória benfiquista

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Em Maputo, cidade que viu nascer Eusébio e Mário Coluna, a vitória encarnada está a ser associada a estas lendas desportivas, cujas "almas" guiaram a equipa encarnada na conquista do seu 33º campeonato de futebol.

Apreensivos e tensos durante a primeira parte do jogo Benfica-Olhanense, os cerca de 100 adeptos encarnados que escolheram hoje o "restaurante catedral" das transmissões desportivas da capital moçambicana, o Mundo’s, festejaram "aliviados" e aos gritos os dois golos do segundo tempo, que garantiram à equipa encarnada a vitória (2-0).

"Foi um jogo impressionante, com o Benfica, desde o primeiro minuto, a controlar. Basta a ver as estatísticas: 70 por cento contra 30", comentou à agência Lusa Dionísio Zavala, para quem a vitória do Benfica esteve relacionado com a interferência das "almas" de Eusébio e Coluna, antigas lendas benfiquistas nascidas em Moçambique, que perderam a vida durante esta época.

"As almas desses dois jogadores alavancaram o espírito benfiquista. Foram grandes jogadores que fizeram muito pelo Benfica, e agora estamos a fazer uso do poder espiritual do Eusébio e do Coluna. O Benfica está imparável", gritou Zavala.

Também Nasser Camilo, outro entusiasta encarnado, enalteceu os feitos dos antigos jogadores do Benfica.

"Se o Benfica é o que é a nível internacional é graças a esses dois grandes senhores. Acredito que eles estiveram em espírito no estádio e esta vitória acaba por ser um tributo aos dois", disse à agência Lusa o adepto benfiquista, mostrando-se "extremamente satisfeito" pelo resultado de hoje.

"Nos últimos cinco anos, o Benfica lutou muito para ser campeão. Este campeonato significa muito, porque, como se pode ver, o Benfica é uma nação. Estou extremamente satisfeito e agora vamos fazer a festa", anunciou Camilo.

Terminado o jogo, a festa benfiquista deslocou-se para a baixa da capital moçambicana, com milhares de apoiantes a concentrarem-se na Avenida 25 de Setembro, anunciando uma ruidosa festa que se deverá prolongar noite dentro.

Conteúdo publicado por Sportinforma com Lusa