Primeira Liga

05-08-2016 10:30

Sporting pergunta por Castaignos

Clube ‘leonino’ iniciou negociações pelo avançado holandês do Eintracht de Frankfurt.
Luc Castaignos ao serviço do Twente
Foto: VINCENT JANNINK

Avançado holandês passou pelo Inter de Milão.

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Luc Castaignos é o mais recente avançado na ‘órbita’ do Sporting. Os ‘leões’ continuam no mercado à procura de um dianteiro para colmatar as lacunas no setor ofensivo e olham para o jogador do Eintracht de Frankfurt como um opção viável para a posição mais ofensiva.

De acordo com o jornal ‘A Bola’, o jogador holandês vê com bons olhos a ida para o Sporting e não existem grandes obstáculos para que as negociações cheguem a bom porto. Os primeiros contactos entre ambas as partes correram bem e o salário dos jogador ( cerca de 600 mil por temporada) não é impeditivo para se avançar para a contratação.

Em cima da mesa estará um proposta de cerca de cinco milhões de euros para convencer o Eintracht de Frankfurt a libertar o jogador holandês que marcou cinco golos em 21 jogos na última temporada no campeonato alemão.

O interesse do Sporting em Castaignos não é de agora. Na altura em que jogava no Twente da Holanda, o jogador foi referenciado pelo clube ‘leonino’. No entanto, a equipa portuguesa acabou por não avançar com o interesse demonstrado. Desta vez a história pode correr de uma forma muito diferente.

A equipa de Jorge Jesus precisa urgentemente de um homem de área para colmatar as saídas da dupla Teo/ Barcos e a lesão de longa duração de Spalvis. Com apenas Slimani e Alan Ruiz, as opções ofensivas para a posição 9 do treinador português estão muito condicionadas.

Luc Castaignos é também uma alternativas mais em conta para as finanças do clube de Alvalade. Depois do interesse manifestado em jogadores com salários muito elevados como Bas Dost (Wolfsburgo), Mario Gómez ( Fiorentina) Lukas Podolski ( Galatasaray) e Robin Van Persie (Fenerbahce), o Sporting aparenta ter escolhido um avançado que não ‘pese’ tanto na folha salarial.

Conteúdo publicado por Sportinforma