FC Porto

12-08-2016 22:30

Nuno: "Brahimi e Aboubakar? Todos contam e são importantes"

O FC Porto venceu o Rio Ave por 3-1, no arranque da Liga 2016/2017. Corona, Herrera e André Silva fizeram os golos.
Brahimi marca e celebra com Aboubakar
Foto: JOSE COELHO/LUSA

Brahimi marca e celebra com Aboubakar

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Nuno justificou as ausências de Brahimi e Aboubakar nos convocados para o jogo com o Rio Ave. O técnico do FC Porto sublinhou que se tratou de opções técnicas mas que conta com os dois jogadores. Sobre a vitória frente ao Rio Ave, Nuno sublinhou que gostou de alguns aspetos do jogo mas lamentou que tenha havido duas expulsões.

Entrada forte na Liga: Entramos bem, as primeiras ocasiões são nossas. Entramos a controlar, mas Rio Ave tem este jogo direto e também de contra-ataque, que é algo que incomoda a defesa. Chega a vantagem num canto mas a reação da minha equipa é boa, reação muito positiva após o intervalo que é determinante para conquistar os três pontos. Fomos uns justos vencedores. Pena as expulsões. Queremos um espetáculo do início ao fim e seria melhor com onze de cada lado até ao fim".

Notas do jogo: "A equipa está em construção, cada vez mais a assimilar os processos, as ideias. Quanto mais tempo estiverem juntos, mais fácil será. Temos ainda algumas opções fora. Este não é um onze definido nem definitivo. Temos um plantel forte mas tem de mostrar isso jogo a jogo".

Brahimi e Aboubakar de fora: "São opções técnicas. Os jogadores sabiam desde o início que ia haver decisões, este foi mais uma, mais uma convocatória. Temos jogo na quarta-feira, será uma nova convocatória, uma nova equipa. Todos os jogadores contam e são importantes".

Jogo de 4ª-feira com Roma é determinante? "Não, importante é mas não determinante. O nosso rendimento tem de ser mostrado jogo a jogo e quarta-feira será assim. Temos de entrar na Liga dos Campeões, vamos jogar contra um adversário complicado mas vamos a jogo".

O FC Porto venceu o Rio Ave por 3-1, no arranque da Liga 2016/2017. Corona, Herrera e André Silva fizeram os golos.

Conteúdo publicado por Sportinforma