Liga

12-08-2016 18:00

Obras de requalificação do Estádio de Chaves acabam a 18 de agosto

O recinto flaviense vai passar a contar com nove mil lugares.
Adeptos do Desportivo de Chaves
Foto: LUÍS FORRA / LUSA

O investimento nas obras rondou cerca de um milhão de euros

Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt

As obras de requalificação do Estádio Municipal Eng.º Manuel Branco Teixeira, em Chaves, estarão concluídas a 18 de agosto, dia da última vistoria da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), anunciou hoje presidente da câmara.

A empreitada, que começou a 16 de maio, um dia depois do fim do campeonato, implicou a renovação total dos balneários, a construção de uma torre para a comunicação social e a reabertura da bancada superior norte, que estava interdita e que é para os visitantes, envolvendo a remodelação das instalações sanitárias, bar, sala de primeiros socorros e colocação de cadeiras.

“O estádio está pronto, falta apenas acertar uns últimos pormenores e tratar da limpeza, tendo agora a dignidade suficiente para o Desportivo de Chaves cá jogar”, afirmou o presidente da Câmara de Chaves, António Cabeleira, durante uma visita realizada hoje ao espaço desportivo.

O clube de Trás-os-Montes regressa esta temporada à I Liga portuguesa de futebol, 17 anos depois da última presença, com um plantel renovado e novo treinador.

O autarca explicou que, agora, o estádio ficará com cerca de 9.000 lugares.

Quanto ao investimento, António Cabeleira frisou que rondou um milhão de euros. “Além disso, a câmara assegura ao longo do ano a manutenção do estádio, desde tratamento de relvado a custos com água e energia elétrica, e atribuiu ao clube um subsídio”, realçou.

No total, o município canaliza para o emblema `azul-grená´ 320 mil euros anuais.

Já o presidente da direção do Desportivo de Chaves, Bruno Carvalho, adiantou que sem o esforço da autarquia, este projeto não seria possível. “As imagens dos jogos vão passar para 180 países, portanto, é importante passar uma boa imagem e ter uma casa modernizada e organizada”, adiantou.

Bruno Carvalho revelou que a requalificação de parte da bancada do topo norte será assegurada pelo clube e deverá estar pronta até 24 de setembro, data em que o Chaves recebe o Benfica. “Estamos em fase de projeto. O nosso objetivo é ter mais espetadores e, respetivamente, aumentar as receitas”, ressalvou.

O jogo da primeira jornada da I Liga entre Nacional e Desportivo de Chaves, inicialmente marcado para domingo, no Funchal, foi adiado para 04 de setembro, às 16:00, devido aos incêndios que deflagraram na segunda-feira na Madeira.

Conteúdo publicado por Sportinforma