Sporting 2-0 Marítimo

13-08-2016 20:14

Leões vencem e convencem na estreia na Liga

Os golos de Coates e Bryan Ruiz deram a vitória sobre o Marítimo em Alvalade.
Sporting vence Marítimo
Foto: Lusa

Leões venceram com golos de Coates e Bryan Ruiz

Por João Paulo Godinho sapodesporto@sapo.pt

O Sporting iniciaram hoje a edição 2016/17 da I Liga portuguesa de futebol com uma vitória por 2-0 frente ao Marítimo, no Estádio José Alvalade, em Lisboa. O defesa uruguaio Sebastián Coates, aos 21 minutos, e o avançado costa-riquenho Bryan Ruiz, aos 60, deram os primeiros três pontos aos ‘leões’, que agora dividem a liderança provisória do campeonato com o FC Porto, que, no sábado, foi vencer por 3-1 no terreno do Rio Ave.

Perante uma excelente 'casa' a abrir o campeonato, com cerca de 43 mil pessoas em Alvalade, o Sporting entrou bem no encontro, com Jorge Jesus a apostar apenas num reforço no onze inicial: Alan Ruiz jogou no ataque, suprindo assim a ausência do castigado Slimani. Apesar da boa entrada, a primeira grande ocasião de golo pertenceu ao Marítimo, com Diawara, aos 13', a falhar um golo na cara de Rui Patrício, num lance o guardião do Sporting exibiu toda a sua categoria.

Como quem não marca habitualmente sofre, Coates encarregou-se de dar razão a essa máxima e fez o 1-0 para os leões aos 21 minutos. O defesa uruguaio respondeu de forma certeira a um canto de João Mário e cabeceou exemplarmente para o primeiro golo leonino na nova época.

O golo moralizou a equipa de Jorge Jesus, que subiu de produção, muito à boleia do dinamismo do jovem Gelson Martins, e podia mesmo ter chegado ao segundo golo em mais do que uma situação. No entanto, os anfitriões também não se livraram de um susto na sua baliza, aos 39', quando Ghazaryan atirou ao poste.

Os leões acabaram por ir para o intervalo a vencer de forma justa, mas o Marítimo já havia mostrado argumentos para assustar os leões.

Para a segunda parte, Jorge Jesus efetuou de imediato uma troca, apostando em Bruno César para o lugar de Jefferson. O Sporting regressou então mais autoritário, mais 'mandão', e empurrou os maritimistas para o seu último reduto com constantes lances de perigo desenhados por João Mário e Gelson.

O Marítimo parecia agora remetido a uma posição mais submissa e assistiu de forma impotente ao segundo golo leonino, da autoria de Bryan Ruiz. Quando estavam decorridos 60 minutos, o médio costa-riquenho encostou para o 2-0, na sequência de um belo passe de Gelson Martins. Se a tendência já era verde, o golo veio tornar praticamente certa a vitória do Sporting.

E se na primeira parte o Marítimo ainda tinha aproveitado vários erros defensivos para criar perigo junto da baliza de Rui Patrício, as correções operadas por Jorge Jesus vieram dar maior consistência ao leão. Uma segunda parte totalmente dominada pelos anfitriões, que seguraram de forma inequívoca uma vantagem tranquila.

Antes do apito final, realce ainda para a substituição de João Mário. A ovação de pé e os aplausos do jogador ao público soaram a despedida de Alvalade de um jogador que estará de malas feitas para rumar ao Inter de Milão num negócio milionário.

Com este resultado, os leões apanharam o rival FC Porto no primeiro lugar, depois de os dragões terem também vencido na véspera o Rio Ave, por 3-1. Recorde-se que leões e dragões têm encontro marcado já para a terceira jornada da Liga.

Conteúdo publicado por Sportinforma