Rio Ave

21-08-2016 16:24

Nuno Capucho: "Estamos preparados para fazer mossa a este adversário"

Treinador do Rio Ave quer que equipa dê "salto qualitativo" contra o SC Braga.
Rio Ave vs FC Porto
Foto: Lusa

Treinador do Rio Ave quer que equipa dê "salto qualitativo" contra o SC Braga.

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

O treinador do Rio Ave, Nuno Capucho, pretende que a sua equipa dê "um salto qualitativo" já na partida desta segunda-feira, frente ao Sporting de Braga, da segunda jornada da I Liga portuguesa de futebol.

A formação vila-condense estreou-se no campeonato com uma derrota por 3-1, em casa, frente ao FC Porto, e o treinador pretende "corrigir os erros cometidos nesse jogo".

"Será um desafio frente a um adversário muito difícil, mas quero dar um salto qualitativo na evolução coletiva, mantendo a nossa identidade, pressionando o Braga e jogando no meio campo contrário", vincou Nuno Capucho.

O treinador do emblema da foz do Ave considerou que frente aos 'dragões', na jornada anterior, "o Rio Ave não fez um mau jogo apesar da derrota", embora reconheça "que há sempre coisas a melhorar".

"Queremos melhorar o que fizemos de mal contra o FC Porto, sobretudo nos três lances de golo. Ofensivamente, quero que a equipa seja um pouco mais agressiva e criativa", partilhou o técnico.

Os vila-condenses ainda não venceram um jogo oficial esta época - dois empates nas eliminatórias da Liga Europa e uma derrota no campeonato -, mas Nuno Capucho vê isso como parte "do processo de crescimento da equipa".

"Demora sempre a construir uma equipa, temos de acreditar no processo e fazer os jogadores acreditarem nele. Quando se perde não é fácil, mas já lhes disse que não vou mudar as características da equipa, só os tenho de incentivar para serem mais fortes individualmente e coletivamente", analisou.

Questionado se espera um Sporting de Braga fragilizado com a possível saída de Rafa, o treinador do Rio Ave não considerou que o adversário de segunda-feira valha apenas por uma individualidade.

"Se o Braga jogasse com dez iria facilitar, mas certamente vão jogar com outro jogador de qualidade. É uma equipa bem estruturada, difícil de bater, mas estamos preparados para fazer mossa a este adversário", vincou.

Faltando cerca de uma semana para o fecho do mercado de transferências, o técnico do Rio Ave admitiu que tudo pode ainda acontecer na sua equipa quanto a entrada e saídas de jogadores.

"Faz parte da realidade do futebol, só no dia 31 o mercado vai fechar, falamos diariamente com o departamento de futebol, sabem o que precisamos e o que não precisamos, e se alguém sair certamente virá alguém para substituir", afirmou o técnico.

O Rio Ave joga segunda-feira no reduto do Sporting de Braga numa partida agendada para 20:00, Tiago Martins, da Associação de Futebol de Lisboa.

Conteúdo publicado por Sportinforma