Primeira Liga

30-08-2016 11:14

FC Porto deseja que "arbitragem não volte a inclinar um campo de jogo"

O FC Porto não se conforma com a derrota sofrida no domingo frente ao Sporting em Alvalade.
Sporting - FC Porto
Foto: Facebook FC Porto

Sporting - FC Porto

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

O FC Porto não se conforma com a derrota sofrida no domingo frente ao Sporting em Alvalade. Os ´dragões` acusam o árbitro Tiago Martins de ter feito um mau trabalho, sempre em prejuízo da equipa de Nuno Espírito Santo. Esta terça-feira os azuis-e-brancos voltaram à carga, na newsletter ´Dragões Diário`.

"Demasiados erros, sempre em prejuízo do FC Porto. É este o balanço do clássico de domingo em Alvalade. Se o futebol português pretende um campeonato competitivo, que proporcione bons espetáculos, não pode continuar a ter arbitragens como a de anteontem, com um acumulado de erros muito grande. Todos sabemos que os árbitros erram e o erro tem de se aceitar, o que não se pode aceitar é uma sucessão de maus juízos sempre em prejuízo da mesma equipa. E foi isso que aconteceu, em especial no aspeto disciplinar, com cotoveladas, entradas de sola e mais uns quantos lances muito duros que não mereceram um juízo equilibrado por parte do árbitro Tiago Martins", pode ler-se na newsletter oficial do FC Porto.

"Como é possível que as cotoveladas de Coates, Slimani e William Carvalho tenham passado impunes?", questiona o FC Porto, que comparou as arbitragens do jogo em Roma com a de Alvalade.

"A diferença é tão grande, entre um árbitro que assinalou e puniu o que viu e um que permitiu o jogo violento do início ao fim de uma equipa. Para a verdade do campeonato desejamos que tenha sido uma vez sem exemplo e que não volte a acontecer uma equipa de arbitragem inclinar assim um campo de jogo", pediu o FC Porto.

Conteúdo publicado por Sportinforma