Rui Gomes da Silva

05-09-2016 23:22

"Jorge Jesus é que empurrou jogadores para fora do Benfica"

O vice-presidente do Benfica não deixou o treinador do Sporting sem resposta na polémica sobre a permanência de Luisão na Luz.
fbb31a2b941e55af99da7dc6f09ec28cfd874387.jpg
Foto: © 2011 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.

Rui Gomes da Silva, vice-presidente do Benfica

Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt

Rui Gomes da Silva respondeu esta noite à entrevista de Jorge Jesus ao jornal Record, na qual o treinador do Sporting acusou o Benfica de "querer correr com Luisão". No programa 'O Dia Seguinte', da SIC Notícias, o vice-presidente dos encarnados recordou que o técnico rival é que terá afastado jogadores do clube da Luz.

"A única pessoa que nos últimos sete anos no Benfica empurrou jogadores para fora do clube foi Jorge Jesus. Empurrou João Cancelo, empurrou Bernardo Silva, empurrou - para não estar a falar só de jovens - Pablo Aimar, empurrou Saviola e o que eu lamento é que estejamos a fazer a agenda do Benfica, introduzida por alguém que é treinador do Sporting e as únicas duas preocupações que tem são as seguintes: primeiro, ódio total ao Benfica – mas isso não é só uma questão de Jorge Jesus – e, segundo, eu sou bom, eu sou extraordinário", afirmou.

No mesmo sentido, Rui Gomes da Silva rebateu igualmente as críticas de Giuliano Bertolucci, empresário do veterano capitão do Benfica. "Nos últimos anos, esse foi o mesmo empresário que todos os dias pedia para o Luisão sair. Presumo, nunca falei antes nem depois de ele querer sair. Nem quando ele queria sair e não saiu, nem quando agora teoricamente ele não queria sair e ficou. (...) Independentemente destas situações, houve ali sempre uma relação estável, uma relação que presumo que continua, porque não vejo nada nem vi nada, nada, nada que a afetasse entre o capitão Luísão e o presidente Luís Filipe Vieira", concluiu.

Conteúdo publicado por Sportinforma