Primeira Liga

07-09-2016 11:47

Garay testemunhou a favor do Benfica contra o Real Madrid

"Merengues" desconfiam do valor pelo qual o jogador foi vendido ao Zenit em 2014.
Garay em ação na Luz
Foto: PATRICIA DE MELO MOREIRA

Defesa central argentino regressou à Luz na Liga dos Campeões pelo Zenit.

Por SAPO Desporto c/Lusa sapodesporto@sapo.pt

Garay testemunhou a favor do Benfica no processo que o Real Madrid moveu contra os "encarnados" no TAS. Os 'merengues' desconfiaram do valor que o defesa foi vendido ao Zenit.

De acordo com informações avançadas pelo DN, o clube madrileno entende que o jogador valia mais de seis milhões, que foi o valor pelo qual o jogador foi vendido ao clube russo. 50 por cento do passe do central pertencia ao Real Madrid. Florentino Pérez alega também que existiam clube interessados em pagar 15 milhões de euros por Garay, e pode por isso o clube reclama uma indemnização ao Benfica, em relação ao valor que recebeu, que na óptica dos 'blancos' poderia ser maior.

O Benfica defende-se e diz que o defesa saiu por esse valor porque o jogador estava em final de contrato e que passados seis meses sairia a custo zero. Como testemunhas abonatórias, os "encarnados" contam com Ricardo Schlieper, antigo empresário do jogador, e o diretor-geral do Zenit, Maxim Mitrofanov.

Apesar da pretensão do Real Madrid, o Benfica tem quase a certeza que não vai ser dada razão ao clube espanhol. A decisão deve ser conhecida muito brevemente.

Recorde-se que neste defeso Garay foi transferido para o Valência por cerca de 20 milhões de euros.

Conteúdo publicado por Sportinforma